23.4 C
Guimarães
Quinta-feira, Julho 25, 2024

Economia: Outubro dedicado a falar sobre Inovação e a Fábrica do Futuro

Economia

O Município de Guimarães tem na agenda as questões relacionadas com a economia e inovação que pretende abordar com diversos actores.

Para já, a informação é resumida e genérica. Mas a intenção “é fazer de Guimarães o ponto de partida para a criação de um pólo de inovação, indústria e internacionalização na região norte, e no país”.

Durante as quatro semanas, perceber-se-á de que modo esta intenção pode ser viável em Guimarães que no seu conjunto agrupa já empresas, institutos universitários e actores que podem ajudar nesse objectivo.

Na nota enviada aos órgãos de comunicação social é salientado que Outubro será marcado por eventos que analisam o presente e projectam o futuro.

E nesse sentido a discussão far-se-á em torno dos principais desafios que o território enfrenta, sendo apresentadas boas práticas já implementadas pelos agentes dos sectores de actividade vimaranenses. A discussão estará em cima da mesa, o que permitirá deixar perceptível qual é o estado da economia de Guimarães quando se dá nota de “sinais” alguns preocupantes dos efeitos da falta de encomendas de muitas empresas que vivem da exportação. E as ameaças que podem decorrer de um fluxo de desemprego inesperado.

Perceber qual é o actual “estado da arte” de Guimarães e da região pode apresentar um quadro económico de diferentes dimensões quando se quer definir “os caminhos que garantam o crescimento económico e ambientalmente sustentável do território”.

“Serão quatro semanas de acções diferenciadas, mas complementares, que terão lugar por todo o concelho, e que servirão para analisar as diferentes áreas que compõem o tecido económico local, com foco na indústria, turismo, comércio, academia, saúde e tecnologia” – salienta a nota municipal.

E conclui: “estas acções pretendem ainda projectar a Fábrica do Futuro, um modelo industrial impulsionado por tecnologias inovadoras e transformadoras, quer nos sistemas de produção quer nos modelos de negócio”.

© 2023 Guimarães, agora!


Partilhe a sua opinião nos comentários em baixo!

Siga-nos no FacebookTwitter e Instagram!
Quer falar connosco? Envie um email para geral@guimaraesagora.pt.

PUBLICIDADE • CONTINUE A LER

Artigos Relacionados

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

PUBLICIDADE • CONTINUE A LER

Últimas Notícias