PSD: o que interessa ao país, interessa a Guimarães

Os candidatos do PSD não apresentam uma agenda de assuntos locais que seja uma bandeira junto dos eleitores.


Vão defender políticas nacionais com incidência local. Esta postura dos candidatos do PSD contrasta com o que era uma tradição: a de os deputados locais terem uma agenda de assuntos que juravam defender no Parlamento e que, várias vezes, não eram coincidentes com a visão do Governo para o território.

Por outro lado, André Coelho Lima optou por defender esta nova postura. E inovou ao considerar que é ao presidente da Câmara que compete a incumbência de “conversar com o governo” sobre o que importa fazer em Guimarães, pela administração central.

Mais do que fazer uma lista de anseios e reivindicações, André Coelho Lima entende como deveras “importante é que o Governo cumpra com a sua palavra”. E citou exemplos, na área da Justiça, em que Francisca Van Dunem se comprometeu com um “Campus da Justiça”, na zona do Parque da Cidade, nas últimas eleições, deixando o assunto atrasar-se no mundo da burocracia.

Sobre a alta velocidade que o presidente da Câmara Municipal tem incluída na agenda do desenvolvimento de Guimarães, André Coelho Lima foi claro e esclarecedor: primeiro, dizendo que os temas que nos movem a todos nós (vimaranenses) não nos dividem; segundo, que é o presidente da Câmara que deve continuar a liderar essa reivindicação, sabendo que este é um assunto em que “todos estamos comprometidos enquanto objectivo, e não nos dividem entre partidos”.

📸 GA!

E recuando na história lembrou: “Guimarães sempre fez das suas fraquezas as suas forças, e nunca precisou de títulos, por exemplo de capital de distrito para ser o primeiro local onde foi instalada uma delegação do Banco de Portugal, depois de Lisboa e Porto, ou Capital Europeia da Cultura depois de Lisboa e Porto”.

“Se a linha de alta velocidade passar pelo Norte, Guimarães não pode passar ao lado”.

Sem deixar dúvidas, acentuou que “se a linha de alta velocidade passar pelo Norte, Guimarães não pode passar ao lado”. E sobre “este dossier” acrescentou que “nos vamos envolver, não apenas pelo interesse de Guimarães mas pelo interesse do país”.

Numa postura mais pragmática, Coelho Lima disse ainda que “não prometemos o que não sabemos se podemos cumprir”, deixando claro que a questão da alta velocidade “é um projecto europeu, nacional e só depois local ou de Guimarães”.

Sobre as legislativas, o PSD já tem a sua estratégia eleitoral local definida. Caneja Amorim, enquanto director da campanha no concelho, articulará as acções também numa ligação ao contexto distrital e nacional.

Optando por acções temáticas e por uma lógica de proximidade, o PSD quer tirar vantagens da sua rede autárquica para “chegar a todas as freguesias e a todos as famílias e eleitores”.

Ficou a saber-se que Rui Rio vai estar em Guimarães, no dia 23 de Janeiro, numa acção híbrida no largo do Toural em que a arruada se juntará a um comício com palco, numa sessão de esclarecimento em que o tema principal será o comércio tradicional, a restauração e a hotelaria.

“Ter André Coelho Lima a liderar a lista de Braga é fruto do trabalho desenvolvido na comissão política nacional e no parlamento”.

Bruno Fernandes, 10º na lista de Braga dos candidatos a deputados sublinhou que “ter André Coelho Lima a liderar a lista de Braga é fruto do trabalho desenvolvido na comissão política nacional e no parlamento”. E defendeu mesmo que ele “é um exemplo a seguir pelos agentes políticos, projectando o PSD e Guimarães a nível nacional”.

Defendendo novos horizontes para o país e para Guimarães, Bruno Fernandes quer um “novo governo no país e que seja mais sério”, resolvendo os problemas de Guimarães, que aposte em fazer reformas, para induzir o país no desenvolvimento que é necessário.

Citou alguns exemplos de medidas deixadas para trás pelo governo de António Costa em relação ao Campus da Justiça para Guimarães e à perda de um contributo mecenático para a remodelação da igreja de Serzedelo.

© 2022 Guimarães, agora!


Partilhe a sua opinião nos comentários em baixo!

Siga-nos no Facebook, Twitter e Instagram!
Quer falar connosco? Envie um email para geral@guimaraesagora.pt.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

- publicidade -
- publicidade -
- publicidade -

Leia também