Biodiversidade: Maio activo com actividades ligadas à fauna e flora

O Laboratório da Paisagem de Guimarães tem um conjunto de actividades sobre a preservação da biodiversidade programadas para o mês de Maio.


O Dia Mundial das Aves Migratórias, o Dia Mundial da Abelha e o Dia Internacional da Biodiversidade, pela sua temática são dias a assinalar a 14, 20 e 22 de Maio.

Também a Semana Nacional e Ibérica sobre Espécies Invasoras, entre 21 e 29 de Maio, será alvo de acções sensibilizadoras com alertas para os riscos inerentes à presença de incómodos e perigosos seres, com efeitos na biodiversidade local. 

Um concurso de fotografia vai ocupar a comunidade escolar com os alunos a quem se coloca o desafio de fotografar uma espécie de fauna ou de flora identificando-a correctamente, o que acontecerá durante todo o mês no âmbito do programa ambiental PEGADAS.

Os Quirópteros, vulgo morcegos, serão objecto de uma acção de formação, que o Plano de Acção da Biodiversidade de Guimarães prevê e ocorrerá a 14 de Maio.

Uma parceria com a Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro e o Laboratório da Paisagem evidenciando como cada cidadão poderá ter um papel activo na procura e identificação desta espécie através da capacitação com algumas ferramentas de aplicação simples. Grande parte da acção de formação decorrerá no exterior, junto a uma linha de água, onde poderão observar morcegos.

Também, no exterior, realizar-se-á uma caminhada Sem Invasoras, em Pencelo, no dia 21 de Maio.

Ao longo de um percurso florestal da freguesia, os participantes terão a oportunidade de descobrir algumas curiosidades sobre a biodiversidade local, assim como compreender a importância da preservação da floresta autóctone através de pequenos gestos e práticas que cada um pode promover. 

Salienta o Laboratório da Paisagem que “os participantes terão também a oportunidade de aprender e aplicar in loco uma acção de controlo em algumas espécies invasoras”

Para além de se poderem inscrever no sítio do Laboratório da Paisagem, também o poderão fazer directamente na junta de freguesia de Pencelo.

Para os técnicos da empresa municipal Vitrus Ambiente, que pretende aumentar o conhecimento sobre o impacto da flora exótica e invasora, as metodologias de controlo e remoção e os cuidados a ter após a limpeza da vegetação invasora, está prevista uma acção de formação, no dia 24.

Ainda com as espécies invasoras como mote realiza-se um workshop online, em que durante 30 minutos, se falará como ser mais sustentável com as Invasoras Silenciosas.

Esta sessão interactiva, decorre entre as 18h30 e as 19h00, do dia 25 de Maio, e o debate versará o problema do uso descontrolado de espécies de plantas invasoras nos jardins e os impactos sobre a biodiversidade. Serão ainda demonstrados exemplos de boas práticas no controlo de flora invasora no concelho de Guimarães.

A comunidade será chamada para mais uma acção teórico-prática para explicação e demonstração in loco dos procedimentos e técnicas levadas a cabo no local para controlo de flora exótica invasora, nomeadamente de mimosa (Acacia dealbata), no Castro Sabroso, no dia 27 entre as 15 e as 17 horas.

Ali decorreu recentemente um caso experimental de remoção de espécies invasoras que envolveu o Laboratório da Paisagem e a Sociedade Martins Sarmento. E, agora, esta formação capacitará os cidadãos envolvido para replicar estratégias locais com problemas similares.

Num passeio interpretativo, o Laboratório da Paisagem, vai à procura da Vaca-loura, o maior escaravelho da Europa, uma espécie cada vez mais ameaçada em Portugal e da qual é embaixador no âmbito de rede para a protecção e conservação desta espécie.

A comunidade está convidada para observar estes seres vivos no parque de lazer das Caldas das Taipas, local considerado um hotspot para esta espécie devido à presença de vários exemplares de carvalho-alvarinho antigos. A actividade está marcada para o dia 27 de Maio, pelas 20 horas e inclui um passeio interpretativo ao crepúsculo de forma a encontrar e monitorizar a espécie.

Finalmente, nova acção teórico-prática sobre Técnicas de controlo de espécies invasoras em ecossistemas fluviais, decorrerá a 28 de Maio, entre as 14 e 16h00, ao longo das margens do rio Ave, na freguesia de Ronfe.

📸 Direitos Reservados

© 2022 Guimarães, agora!


Partilhe a sua opinião nos comentários em baixo!

Siga-nos no Facebook, Twitter e Instagram!
Quer falar connosco? Envie um email para geral@guimaraesagora.pt.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

- publicidade -
- publicidade -
- publicidade -

Leia também