8.9 C
Guimarães
Quinta-feira, Fevereiro 2, 2023

“Taipinhas mostra a sua vila”

Economia

Livro ilustrado dos alunos da escola da Charneca

É um livro de ilustrações da professora Cristina Araújo com vários alunos da Escola Básica da Charneca. Tem 30 páginas, vem com uma colher colada na capa, representando as cutelarias e as empresas taipenses que patrocinaram o livro: Belo Inox, Cutipol, Herdmar.

Taipinhas, é uma colher mágica que guia os leitores numa aventura pelos locais mais importantes da vila das Taipas.

João e Maria – os protagonistas da história, descansam numa tenda do parque de campismo, depois de uma viagem pelos “Banhos Velhos” da Taipas Termal onde perceberam a história da água termal que brota da Boca do Leão, a fonte de onde cai a cerca de 32 graus. Um passo à frente e já João e Maria andavam sobre as ruínas dos Banhos Velhos usados como balneários desde 1818.

Depois da visita às Termas, foram até à Ara de Trajano ou Penedo da Moura, um monumento que identifica a passagem do imperador romano Cesar Trajano pela vila. Uma história para contar a outros amigos, que envolve tesouros escondidos. Ali perto, também viram a Igreja Matriz, mandada construir pelo Conde de Agrolongo, em 1910 – tem agora 104 anos. A igreja de S. Tomé foi também vista pelo João e Maria que se aperceberam de que a capela de santo António havia sido demolida.

Chegados ao rio Ave, os dois amigos, estenderam-se nas areias da Praia Seca e andaram pelo parque de Lazer, viram a ponte romana sobre o rio, e mergulharam na piscina, como ponto final de uma correria pelo património das Taipas.

É esta história que se conta e é contada pelos alunos da Escola da Charneca, e escrita neste livro como um “encantamento pela história local”.

© 2019 Guimarães, agora!

PUBLICIDADE • CONTINUE A LER

Artigos Relacionados

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

PUBLICIDADE • CONTINUE A LER

Últimas Notícias