18.4 C
Guimarães
Segunda-feira, Maio 27, 2024

Desemprego: sobe no 1º trimestre de 2024

Economia

São mais 125 cidadãos que se juntam ao rol dos desempregados em Guimarães. Uma subida que é a terceira consecutiva no trimestre. E por ser contínua merece alguma preocupação apesar da boa resposta dada pela economia vimaranense em manter a sua população activa.

Os 6754 desempregados que Março registou tem uma leitura curiosa: é a maior dos últimos 37 meses, só ultrapassada em Fevereiro de 2021 que atingiu os 6757 cidadãos.

PUB

Também, hoje, as mulheres são as que mais sofrem com o desemprego, eram 3983, em Março. Um número superior registou-se já, em Outubro de 2020, com 4066 sem emprego.

Há outros números das estatísticas de Março: 207 foi o número dos trabalhadores despedidos; 84 os que se despediram e 176 os que acabaram contrato ou trabalho temporário.

O empreendedorismo que vem do universo dos desempregados é mesmo residual, pois, só 10 se abalançaram em trabalhar por conta própria, um número que é que uma média concelhia ao longo dos últimos cinco anos.

Os desempregados com habilitações de nível do ensino superior são 798. É o número mais alto deste 1º trimestre de 2024. Também os desempregados com habilitações ao nível do ensino secundário são agora 1854, o número mais baixo destes três primeiros meses do ano.

© 2024 Guimarães, agora!


Partilhe a sua opinião nos comentários em baixo!

Siga-nos no FacebookTwitter e Instagram!
Quer falar connosco? Envie um email para geral@guimaraesagora.pt.

PUBLICIDADE • CONTINUE A LER

Artigos Relacionados

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

PUBLICIDADE • CONTINUE A LER

Últimas Notícias