6.7 C
Guimarães
Quinta-feira, Fevereiro 2, 2023

Universidade do Minho: Plataforma vai maximizar recursos e práticas laboratoriais

Economia

A Escola de Ciências da Universidade do Minho (ECUM) coordena uma plataforma que pretende melhorar a gestão dos recursos e das práticas laboratoriais, reduzir tempo e custos, além de fortalecer a produtividade e a competitividade.

Esta nova plataforma é composta por vários módulos que permitem a gestão de laboratórios a nível de equipamentos, produtos químicos, recursos biológicos, materiais, resíduos, espaços, segurança e formação. A ferramenta resulta do projecto EASY GOV – Laboratory Management Platform, que nos últimos dois anos teve a parceria de universidades de Itália, Grécia, Letónia e de uma empresa portuguesa, contando com um financiamento de 262 mil euros do Programa Erasmus+.

📸 Direitos Reservados

“É um sistema sustentável, visando a eliminação do uso do papel”.

Em concreto, esta plataforma “permite uma modernização organizacional e maior transparência, ao registar o que cada um faz, as necessidades e os fluxos. É um sistema sustentável, visando a eliminação do uso do papel”, afirma a coordenadora do projecto, Cristina Ribeiro. A ferramenta permite ainda fazer o inventário dos equipamentos, produtos químicos, recursos biológicos e demais materiais. A gestão de resíduos em cada laboratório está igualmente contemplada, “reduzindo o seu impacto ambiental e controlando de forma eficiente o ciclo de vida de cada resíduo”.

A plataforma vai ser apresentada amanhã, dia 18, às 14h30, no campus de Gualtar, em Braga, com transmissão no youtube da ECUM. A sessão, com 300 participantes pré-inscritos, conta na abertura com o presidente da ECUM, José González-Méijome, e a directora do departamento de Biologia da Universidade do Minho, Maria João Sousa. Segue-se a apresentação do EASY GOV pela coordenadora do projecto, Cristina Ribeiro, e a sua demonstração pelo director de tecnologia da New Consulting, Luís Rodrigues.

A investigadora Fernanda Cássio, do Centro de Biologia Molecular e Ambiental, aborda a sustentabilidade do EASY GOV, às 15h00. A sessão de encerramento reúne a directora do Centro Ciência LP/UNESCO, Susana Catita, o presidente da associação de universidades de Língua Portuguesa, João Nuno Calvão da Silva, a directora da Agência Nacional Erasmus+, Ana Cristina Perdigão e a vice-reitora para a Educação e Mobilidade Académica da Universidade do Minho, Filomena Soares.

📸 Direitos Reservados

© 2023 Guimarães, agora!


Partilhe a sua opinião nos comentários em baixo!

Siga-nos no FacebookTwitter e Instagram!
Quer falar connosco? Envie um email para geral@guimaraesagora.pt.

PUBLICIDADE • CONTINUE A LER

Artigos Relacionados

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

PUBLICIDADE • CONTINUE A LER

Últimas Notícias