São Torcato: Romaria Grande já começou

Tem as características de alguns períodos áureos e a nostalgia de outros tempos como Romaria minhota.


Há banda de música, procissão com carros alegóricos, música popular com bombos, cerimónias religiosas… e Quim Barreiros.

A mesa da Irmandade de São Torcato que organiza a festa procura encher o terreiro com muitos visitantes e com algumas atracções, perseguindo um objectivo de tornar a Romaria maior.

Mas os tempos são outros e o importante é valorizar a festa com o programa adequado tal como o desta edição pós-pandemia.

📸 Direitos Reservados

A introdução da festa do bolo com sardinhas é uma forma de recordar o passado com esta tradição gastronómica com a qual se pretende lembrar que há 170 anos já se venerava São Torcato com uma festa em redor do Santuário, hoje, Basílica.

Uma Romaria a lembrar um passado mais recente com laivos de história é a melhor opção para suscitar a atenção de Romeiros – já não ao jeito de antigamente porque o tempo não volta para trás.

Quim Barreiros no cartaz da Romaria é uma opção que terá atenção entre o povo que gosta de animação de rua e pode levar a uma veneração do Santo Mártir, sempre selectiva e com adeptos próprios.

O popular cantor actua amanhã no Terreiro de São Torcato. E no Domingo, a atracção vai toda para a procissão com carros alegóricos que sai pelas ruas da Vila ao fim da tarde.

📸 GA!

© 2022 Guimarães, agora!


Partilhe a sua opinião nos comentários em baixo!

Siga-nos no Facebook, Twitter e Instagram!
Quer falar connosco? Envie um email para geral@guimaraesagora.pt.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

- publicidade -
- publicidade -
- publicidade -

Leia também