JpG: pertença do Santuário de Santa Maria Madalena deve preocupar a Câmara

Bruno Fernandes defende que “Guimarães não se pode dar ao luxo de abdicar de um monumento nacional”.


Bruno Fernandes, candidato à Câmara pela Coligação Juntos por Guimarães (JpG) andou por Longos e foi até ao Santuário de Santa Maria Madalena, cuja pertença “parece arredada das considerações da Câmara Municipal”. “Apesar de ter muito e belo património, Guimarães não se pode dar ao luxo de abdicar de um monumento nacional”, afirma Bruno Fernandes, solidarizando-se com a causa dos habitantes de Longos, inserta numa nota de imprensa divulgada na sequência daquela visita.

O líder do PSD local e candidato nas próximas eleições autárquicas, justifica que “há documentos que comprovam a localização do templo no concelho de Guimarães” e advoga que o Município de Guimarães tem de defender e valorizar este património, e não se pode dar ao luxo de abdicar de um monumento nacional”, já que no programa inter-municipal para os Sacro Montes se “insiste na numa partilha administrativa do espaço”. Ao mesmo tempo, defende que “é de fundamental importância que o projecto dos Sacro Montes passe à execução”.

Dizendo-se solidarizar-se “com a causa dos habitantes de Longos”, Bruno Fernandes reconhece a importância do “investimento concertado” entre os concelhos de Braga e Guimarães, “num território onde se juntam o Santuário de Santa Maria Madalena, o Caminho Real (que liga a igreja a Guimarães), a Citânia de Briteiros, o Castro de Sabroso e os Santuários existentes no concelho de Braga. A importância desta zona do concelho é histórica e patrimonial, ambiental (pela mancha florestal envolvente), turística e, por todas as anteriores, económica. É por isso que não se percebe que apesar de tantos anúncios de intenções a estrada M585, que liga Longos ao Santuário e à Falperra, esteja num estado de conservação lastimável”, sublinha.

“Para as gentes de Longos, a atitude da Câmara face à conservação da estrada reflecte a posição de desistência do Município face ao Santuário de Santa Maria Madalena…”

Na nota de imprensa, salienta ainda que “para as gentes de Longos, a atitude da Câmara face à conservação da estrada reflecte a posição de desistência do Município face ao Santuário de Santa Maria Madalena. De outra forma, como é que se explica que a estrada não tenha sido repavimentada até à extrema do concelho, permitindo um acesso condigno àquele monumento?” – questiona o líder do PSD.

E deixa a promessa de que “comigo na presidência da Câmara de Guimarães, os habitantes de Longos e todos os vimaranenses podem contar com a defesa intransigente dos interesses do concelho em todas as latitudes”, assegura o candidato da Coligação Juntos por Guimarães.

© 2021 Guimarães, agora!


Partilhe a sua opinião nos comentários em baixo!

Siga-nos no Facebook, Twitter e Instagram!
Quer falar connosco? Envie um email para geral@guimaraesagora.pt.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

2,728FansCurti
0SeguidoresSeguir
70SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Edição impressa / digital

Leia também

Novo livro: Ferreira de Castro e(m) Guimarães

No âmbito do Dia Mundial do Livro, Álvaro Nunes e...

Síncope: artista Carlos A. Correia estreia hoje no espaço Oub’lá

O espectáculo está dividido em três partes. Músic...

Moreirense: início fatal afasta o 6º lugar

Nos primeiros 11’ da partida, o Moreirense sofreu...

Vitória: o resultado é bem melhor que a exibição

Com um golo de Rochinha (16’), o Vitória importou...

Vitória: inverter o ciclo com o Santa Clara

O jogo com o Santa Clara é crucial no resto do ca...