Helena Sousa
Helena Sousa é Coach, Numerológa, Autora, Palestrante, Formadora e Professora. Tem como propósito auxiliar as pessoas a descobrirem o seu propósito de vida e a entenderem o mapa da sua vida em todas as áreas. É autora do livro da Alquimia dos Números e de outras obras.

Abril – o mês que te mostra o que conseguiste!

Estamos num ano de mudanças, imprevistos e instável pois pede-nos alteração de crenças e padrões que nos impedem ao nosso crescimento. Há um ímpeto de liberdade até pelo que está acontecer. Falando do mês de abril, cuja vibração é precisamente o contrário, de estabilidade, de não mudar, de segurança e estrutura, podemos sentir uma contradição por estarmos perante duas energias opostas.

Qual será a melhor forma de encarar estas energias? Em que uma pede segurança, e a outra pede mudança? Uma pede zona de conforto e outra precisamente o oposto, sair da zona de conforto?

A melhor forma será entender que há uma estrutura que devemos manter, aquela que neste momento nos permite segurança e estabilidade, colocando a nossa vida em ordem. No entanto, é o momento ideal para reajustes, pequenas alterações, fazer as coisas de forma diferente ou mesmo fazer mudanças internas para que possa ver a sua vida com novos olhos. Pois, se juntarmos a vibração do mês com o ano universal, abril 4 + ano universal 2021/5=9, temos um mês de fecho, de balanços, de retemperar forças mas também para contribuir para a felicidade dos outros, de sermos mais solidários, generosos, pois é um mês altruísta, por isso, tudo o que seja por um bem maior está favorecido.

Aceitando que tudo o que aconteceu fez parte do seu crescimento e evolução, ou seja, tudo serviu para ser mais compassivo e compreensivo…

É favorável ter um olhar abrangente e sistémico da sua vida, assumir uma posição de observador e ver tudo de um prisma mais elevado como se tivesse no cimo de uma montanha, pois dessa forma, conseguirá o quadro geral da sua vida, relativizar aquilo que precisa ser relativizado, largar o que precisa ser largado, aceitando que tudo o que aconteceu fez parte do seu crescimento e evolução, ou seja, tudo serviu para ser mais compassivo e compreensivo percebendo que cada um está num caminho diferente.

É um mês favorável para perceber também o que já conseguiu, o que já superou, o que já aprendeu e o quanto se tornou mais sábio. Resolver o que está pendente e fechar capítulos, será crucial para que em maio seja o início de uma nova página! E, às vezes mais importante que olhar para o futuro sempre projetado no que se quer, também é crucial parar, olhar para trás e ser grato por aquilo que já se conquistou, abençoando todas as experiências como lições de enriquecimento interno…!

© 2021 Guimarães, agora!


Partilhe a sua opinião nos comentários em baixo!

Siga-nos no Facebook, Twitter e Instagram!
Quer falar connosco? Envie um email para geral@guimaraesagora.pt.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

2,728FansCurti
0SeguidoresSeguir
70SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Edição impressa

Leia também

Novo livro: Ferreira de Castro e(m) Guimarães

No âmbito do Dia Mundial do Livro, Álvaro Nunes e...

Síncope: artista Carlos A. Correia estreia hoje no espaço Oub’lá

O espectáculo está dividido em três partes. Músic...

Moreirense: início fatal afasta o 6º lugar

Nos primeiros 11’ da partida, o Moreirense sofreu...

Vitória: o resultado é bem melhor que a exibição

Com um golo de Rochinha (16’), o Vitória importou...

Vitória: inverter o ciclo com o Santa Clara

O jogo com o Santa Clara é crucial no resto do ca...