7.3 C
Guimarães
Sexta-feira, Fevereiro 23, 2024

Vitória: Álvaro Pacheco suspeita de um jogo intenso com o Benfica

Economia

O Benfica é o próximo adversário e o treinador do Vitória não baixa a ambição de voltar a ganhar e chegar aos 42 pontos.

Não será tarefa fácil apesar de os encarnados mostrarem sinais de menor brilhantismo e de eficácia quanto baste para ganhar os seus jogos.

PUB

“O que temos de fazer é arranjar soluções para amanhã estarmos novamente ao nosso nível. Vamos jogar na nossa casa com uma vontade muito grande de chegar aos 42 pontos”, declarou.

E “saber sofrer” enquanto vai desfraldando a bandeira da vontade de ganhar para além das adversidades naturais de duas equipas com historial diferente na competição.

A equipa do Vitória tem tudo para estar feliz, depois de ter ganho ao Vizela e eliminando o Gil Vicente da Taça de Portugal. E moralizado para conseguir o melhor resultado.

Em jeito de desafio, Álvaro Pacheco afirma que “é o Roger Schmidt que deve estar preocupado com o Jota, com o André Silva e com a sociedade dos Silvas que o Vitória tem, com a capacidade defensiva que o Vitória tem e como é que vão conseguir contrariar as nossas intenções no jogo”.

Reconhece que ambas as equipas estão a passar por “uma boa fase” e isso pode proporcionar um jogo excelente. E “muito intenso” dada a qualidade dos seus jogadores, jogando um futebol ofensivo.

Relembra, os pormenores que podem ditar o resultado mas evoca o poder do ‘Inferno Branco’, a mola real de um impulso que pode estender o ciclo de vitórias da equipa.

Jota Silva e Nelson Oliveira. © Vitória SC

O treinador repete o seu discurso, clama pela alma própria do Vitória e da equipa: “formos igual a nós próprios” é de esperar tudo, num jogo em que o domínio não será absoluto por parte de nenhuma equipa.

Volta a pedir concentração e tranquilidade para melhor decidir o que fazer nos piores momentos do jogo. “É isso que temos treinado” – justifica.

Elogiou Charles Silva, cuja qualidade e evolução destaca, tal como os desempenhos feitos nos jogos da Taça de Portugal. E quase deixa uma porta aberta à sua utilização ao defender que “ele também merece uma oportunidade para jogar no campeonato e está a aproveitar a oportunidade que tem”.

Ressalvou que Bruno Varela não está em causa – a sua lesão pode prolongar-se – e sem especificar quem vai para a baliza limita-se a dizer que há três guarda-redes convocados. Mas identificando que são o Charles, o Rafa e o Gui fica a perceber-se quem vai jogar de início. Deixa que o Rafa e o Gui “vivam estas experiências e estes momentos”, familiarizando-se com o ambiente.

Não acha que o pouco tempo entre o jogo da Taça de Portugal e o da partida com o Benfica seja um incómodo, prefere dizer que “quem está no futebol” gosta deste frenesim competitivo. E mantém a sua máxima: “eu foco-me muito na minha equipa, nos meus jogadores e tenho uma confiança muito grande neles” – concluiu.

Foto © Vitória SC

© 2024 Guimarães, agora!


Partilhe a sua opinião nos comentários em baixo!

Siga-nos no FacebookTwitter e Instagram!
Quer falar connosco? Envie um email para geral@guimaraesagora.pt.

PUBLICIDADE • CONTINUE A LER

Artigos Relacionados

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

PUBLICIDADE • CONTINUE A LER

Últimas Notícias