18.4 C
Guimarães
Domingo, Maio 19, 2024

Dia Mundial do Ambiente: Guimarães lança Pacto Climático 2030

Economia

Depois de apresentar a candidatura a Capital Verde Europeia 2025, e no seguimento do trabalho que tem vindo a desenvolver na área da sustentabilidade, Guimarães vai assinalar o Dia Mundial do Ambiente, 5 de Junho (Segunda-feira) com uma conferência sobre Economia Circular e Ambiente.

O evento, que se realiza no Laboratório da Paisagem, ficará marcado pelo lançamento do Pacto Climático 2030 – iniciativa que, numa acção colaborativa com os cidadãos e tecido empresarial do território, visa a sua descarbonização, tendo em vista a neutralidade climática. A conferência, que terá como mote #BeatPlasticPollution e está integrada no projecto europeu Circular PSP, tem como objectivo explorar boas práticas nacionais e internacionais na área da economia circular e ambiente, dirigindo-se à academia, tecido empresarial e municípios. Contando com a presença do presidente da Câmara de Guimarães, Domingos Bragança, e do pró-reitor da Universidade do Minho, Miguel Bandeira, para a sessão de abertura, 10h00, a conferência engloba três mesas redondas.

Guimarães vai colocar em discussão temas como Compras Verdes Sustentáveis – contando, para isso, com a participação de Paula Alves (coordenadora da equipa de Missão para a Compra Sustentável, do Município de Lisboa), e do economista Pedro Mota e Costa -, assim como o desafio da neutralidade climática na indústria. Tratando- se de uma questão crucial no tema da descarbonização e tendo o tecido empresarial um papel preponderante para a neutralidade climática, esta mesa-redonda, dedicada à indústria, contará com a participação de especialistas e empresas, que vão inclusive assinar o Pacto Climático de Guimarães, assumindo assim o seu compromisso com um futuro mais verde.

Outra das temáticas que estará em análise é a da investigação e desenvolvimento e inovação para a transição climática. Para abordar esta questão estarão vários centros de investigação com participação do Município de Guimarães e da Universidade do Minho. A conferência contará ainda com a presença de dois oradores: Inês Costa, da Deloitte Portugal, e António Cunha, presidente da CCDR-Norte.

Ainda antes do início das mesas-redondas, a conferência promovida por Guimarães para assinalar o Dia Mundial do Ambiente acolhe o lançamento do Pacto Climático de Guimarães. Reconhecendo o estado de emergência climática e a necessidade de actuar rumo à neutralidade climática, o Município vai comprometer-se em descarbonizar o território, com o objectivo de alcançar a neutralidade climática até 2030, através de uma estratégia de envolvimento dos cidadãos, empresas e instituições do Município numa acção colaborativa.

A conferência Economia Circular e Ambiente terá início às 9h30 de dia 5 de Junho, estando o encerramento dos trabalhos previsto para as 17h00. A participação é gratuita, mas requer inscrição.

📸 Direitos Reservados

© 2023 Guimarães, agora!


Partilhe a sua opinião nos comentários em baixo!

Siga-nos no FacebookTwitter e Instagram!
Quer falar connosco? Envie um email para geral@guimaraesagora.pt.

PUBLICIDADE • CONTINUE A LER

Artigos Relacionados

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

PUBLICIDADE • CONTINUE A LER

Últimas Notícias