Desemprego: Outubro regista queda de 272 pessoas

O número de desempregados desceu, para 7065, em Outubro. E pelo terceiro mês consecutivo fica acima dos 7 mil.


Uma quebra no número de desempregados fica registada em Outubro. Há menos 272 pessoas em relação a Setembro deste ano. Mesmo com esta baixa, o número de desempregados continua na fasquia acima dos sete mil. Agosto, Setembro e Outubro continuam a ser os meses em que o desemprego atingiu mais pessoas.

Na análise aos números de Outubro, o que se pode constatar é que há menos 191 mulheres desempregadas e 81 homens. E que o universo dos inscritos no IEFP há menos de um ano também baixou, o que significa que os níveis de empregabilidade atingiram, pela positiva, as pessoas enquadradas neste item. O número de desempregados já registados há mais de um ano aumentou em 53.

NÚMERO DE DESEMPREGOS: 7065

MENOS 272 PESSOAS EM RELAÇÃO AO MÊS DE SETEMBRO

As pessoas à procura de um novo emprego baixou de Setembro para Outubro em 291 mas os que procuram o 1º emprego cresceu em mais 19.

Sobre o perfil etário dos desempregados, baixou o número dos mais jovens, o que pode ser entendido que o mercado de trabalho absorveu 67 trabalhadores; também no escalão 35-54 anos há menos 141 pessoas. No escalão etário de 25-34 anos, regista-se uma diminuição com menos 95 desempregados. Ao invés, no escalão de mais de 55 anos, há mais 31 pessoas desempregadas, ou seja eram 2328 em Setembro e passaram para 2359 em Outubro.

© Infografia: Guimarães, agora!
© Fonte: IEFP

Na perspectiva das habilitações, regista-se um aumento (4) nos desempregados que não concluíram a 4ª classe (1º ciclo). Diminuíram os desempregados com o 1º ciclo, aumentaram os habilitados com o 2º ciclo e baixaram os desempregados com o 3º ciclo e o ensino secundário. No que toca aos desempregados com o ensino superior, regista-se uma quebra, passaram de 982 em Setembro para 894 em Outubro.

O IEFP promoveu a empregabilidade de 94 pessoas, 39 homens e 55 mulheres, colocando-os no conjunto das ofertas de emprego registadas.

O universo dos desempregados, foi engrossado por mais 11 ex-inactivos, 161 despedidos, 38 que se despediram e 77 que cessaram contrato por mútuo acordo, sendo de 207 os que terminaram trabalho não permanente.

© 2020 Guimarães, agora!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

2,599FansCurti
0SeguidoresSeguir
70SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Edição impressa

Leia também

Fazer Presente: teatro ajuda inclusão pela arte

A ADCL vai implementar um projecto de teatro part...

Gondomar: lixeira a céu aberto nas margens do rio

As margens do rio Naceiros, afluente do Ave, têm ...

“Engenhocas” distinguida com prémio jovem biofísico 2021

O pai de Ana Rita Araújo, já a tratava por esta a...