Organizações internacionais condenam ciberataque ao Expresso e à SIC

As quatro principais organizações internacionais de editores de jornais e revistas acabam de emitir um comunicado conjunto condenando o ciberataque contra a Impresa, que afectou gravemente o Expresso e a SIC.


A FIPP (Connecting Global Media), a WAN-IFRA (The World Association of News Publishers), a EMMA (European Magazine Media Association) e a ENPA (European Newspaper Publishers’ Association) referem, nessa tomada de posição conjunta:

“Este é um acto criminoso que violou as leis de cibersegurança. Manifestamos a nossa solidariedade à Impresa no esforço para tentar recuperar deste gravíssimo ataque.

Numa era digital, os crimes “on line” não são menos graves do que os cometidos no mundo físico e devem ser tratados em conformidade. Encorajamos vivamente o Governo português a investigar este crime de forma profunda, de maneira a identificar e responsabilizar os seus autores.

“Este ataque representa uma tentativa directa de impedir a liberdade de expressão e a liberdade de imprensa”.

Este ataque representa uma tentativa directa de impedir a liberdade de expressão e a liberdade de imprensa, numa altura em que se mostra maior do que nunca a necessidade de uma imprensa independente e de meios de comunicação profissionais.

Uma imprensa livre e rigorosa é um pilar das sociedades democráticas, pelo que vivamente condenamos todos os que a atacam pelas mais diversas formas.”

Quem são as organizações signatárias?

  • FIPP
    Fundada em 1925 em França, a FIPP (Connecting Global Media) é uma das mais antigas e prestigiadas associações a nível mundial. Formada originalmente por um consórcio de editores de revistas para partilha de ideias, a organização cresceu ao longo de quase 100 anos e abrange hoje proprietários de meios de comunicação e criadores de conteúdos de todo o mundo.
  • WAN-IFRA
    A WAN-IFRA (The World Association of News Publishers) é a organização global dos editores de notícias do Mundo. A sua missão é proteger os direitos de funcionamento dos jornalistas e editores de todo o mundo. Fornece aos seus membros conhecimentos e serviços que lhes permitam inovar e prosperar num mundo digital e desempenhar o seu papel crucial na sociedade. Abrange uma rede global de 18 mil publicações em 120 países.
  • EMMA
    A EMMA (European Magazine Media Association) é a representante das revistas que se publicam na Europa, lidas por milhões de consumidores em várias plataformas, abrangendo tanto formatos de papel como digitais.
  • ENPA
    A ENPA (European Newspaper Publishers’ Association) é a organização representativa dos editores de jornais de toda a Europa. A ENPA abrange 16 associações nacionais em 13 países europeus, sendo um dos principais interlocutores das instituições europeias e elemento fundamental nos debates sobre a política dos media na União Europeia.

© API | 📸 Direitos Reservados

© 2022 Guimarães, agora!


Partilhe a sua opinião nos comentários em baixo!

Siga-nos no Facebook, Twitter e Instagram!
Quer falar connosco? Envie um email para geral@guimaraesagora.pt.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

- publicidade -
- publicidade -
- publicidade -

Leia também