10.1 C
Guimarães
Terça-feira, Fevereiro 27, 2024

UMinho: dois anos a reflectir sobre a saúde dos estudantes

Economia

A Escola Superior de Enfermagem (ESE) da Universidade do Minho assinala esta Quarta-feira o segundo aniversário das conversas mensais ‘Health Talks’, com uma sessão especial sobre a saúde dos estudantes do ensino superior.

A iniciativa inicia-se às 17h00, no espaço b-lounge da biblioteca geral do campus de Gualtar, em Braga, e online na rede casas do conhecimento. As intervenções cabem à professora Márcia Cruz, da Escola Superior de Enfermagem do Porto, e às presidentes da Associação de Estudantes da UMinho, Margarida Isaías, e da Associação de Estudantes da ESE-UMinho, Francisca Felgueiras. O evento está inserido nas comemorações dos 50 anos da Universidade do Minho e as inscrições estão abertas, aqui.

Foi há dois anos que, numa sala da ESE-UMinho, profissionais de diferentes áreas da saúde se reuniram para discutir formas de transferir o conhecimento científico à comunidade, impulsionando a literacia em saúde. O interesse comum materializou-se nas ‘Health Talks’ e, a 24 de Novembro de 2021, um grupo de pessoas interessadas juntou-se na plataforma zoom para saber mais sobre o impacto do sono no desenvolvimento socio-emocional dos bebés.

As ‘Health Talks’ estão desde então na agenda de muitas pessoas, que se encontram online na Quarta-feira de cada mês. “Temos partilhado, numa linguagem ajustada ao cidadão comum, resultados de investigação de temas diversificados, designadamente a promoção da saúde da criança, a prevenção da violência nos idosos, a capacitação do cuidador informal, a descentralização dos cuidados de saúde, entre outros”, refere Cláudia Augusto, docente da ESE-UMinho e responsável da iniciativa.

Este projecto inscreve-se no eixo de interacção com a sociedade da ESE e da UICISA: E, uma unidade de investigação no âmbito da enfermagem avaliada com ‘Muito Bom’ e financiada pela Fundação para a Ciência e a Tecnologia.

Os temas das ‘Health Talks’ são escolhidos no quadro da promoção da saúde e bem-estar, tendo os objectivos do desenvolvimento sustentável da ONU como pano de fundo. Os investigadores apresentam recomendações e boas práticas que podem ser adoptadas por qualquer pessoa, dando cumprimento à responsabilidade social de os cientistas devolverem à sociedade os resultados provenientes do seu projecto de investigação.

A participação nas sessões tem vindo a crescer de mês para mês, inclusive na comunidade lusófona. Todas as sessões – que estão disponíveis em podcast na plataforma spotify – incluem um período para o público colocar questões e esclarecer dúvidas. A participação é gratuita, mediante inscrição prévia, e dá direito a certificado de participação.

© 2023 Guimarães, agora!


Partilhe a sua opinião nos comentários em baixo!

Siga-nos no FacebookTwitter e Instagram!
Quer falar connosco? Envie um email para geral@guimaraesagora.pt.

PUBLICIDADE • CONTINUE A LER

Artigos Relacionados

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

PUBLICIDADE • CONTINUE A LER

Últimas Notícias