Hospital: radiologia de intervenção melhora serviço

Os tratamentos de doentes oncológicos, em tempos de pandemia, levou o HSOG a reduzir o número e tempos de internamento, sem perda da qualidade nos cuidados médicos.


No caso dos tratamentos na especialidade da Radiologia, a opção é por tratamentos minimamente invasivos. Há cada vez mais intervenções e abordagens em ter procedimentos terapêuticos executados com o paciente acordado, sem necessidade de internamento ou com internamentos por um período muito curto.

O serviço de Imagiologia do hospital está a usar práticas de Radiologia de intervenção porque permite tratar de tumores ósseos, renais e hepáticos mediante a introdução de uma simples agulha através da pele com um pequena incisão. É ir mais além do que se faz, por exemplo, com biópsias, mais demoradas.

Com esta técnica de radiologia de intervenção, o doente pode, após um recobro, de poucas horas ou internamento curto de um ou dois dias, ter alta e regressar ao seu domicílio.

O HSOG já utilizou estes procedimentos, durante este mês de Janeiro, em três doentes, em casos de termoablação por micro-ondas, e em casos de cancro do cólon e renais e de metástase hepática.

Em todas estas situações o procedimento não demorou mais de uma hora e foram realizados com o apoio de anestesia, não se tendo registado qualquer complicação, o que pressupõe um sucesso técnico nestas intervenções, justificada na alta dada aos pacientes.

“O serviço de Imagiologia continuará ao longo deste ano a apostar em técnicas de diagnóstico e terapêutica minimamente invasivas…”

“O serviço de Imagiologia continuará ao longo deste ano a apostar em técnicas de diagnóstico e terapêutica minimamente invasivas por forma a garantir os melhores cuidados aos doentes oncológicos nestes tempos em que a pressão nos hospitais e nos cuidados de doentes Covid-19 tem vindo a aumentar de forma exponencial” – lê-se na nota divulgada pelo Hospital de Guimarães.

© 2021 Guimarães, agora!


Partilhe a sua opinião nos comentários em baixo!

Siga-nos no Facebook, Twitter e Instagram!
Quer falar connosco? Envie um email para geral@guimaraesagora.pt.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

2,626FansCurti
0SeguidoresSeguir
70SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Edição impressa

Leia também

Obras municipais: não há planeamento mas o que se faz é bom

O PSD refere que as obras em curso não têm planea...

O corpo das mulheres nunca será uma arma

Existe, indubitavelmente, uma diferença entre os ...

Ciclismo: representação nacional na UCI com um vimaranense

O Congresso da União Ciclista Internacional (UCI)...

UMinho: José Campos e Matos lidera a YES For Europe

A Confederação Europeia de Jovens Empresários, or...