14.8 C
Guimarães
Quarta-feira, Abril 17, 2024

Deputados socialistas de Braga: realizaram roteiro distrital dedicado à cultura

Economia

O roteiro denominado Cultura em Movimento teve início, Sexta-feira, na Póvoa de Lanhoso e passou por diversos equipamentos e associações culturais em vários concelhos do distrito, nomeadamente em Barcelos, Vila Verde, Guimarães, Fafe e Cabeceiras de Basto. No percurso, foi possível conhecer e participar no Festival Nacional de Teatro – Ruy de Carvalho, no concelho da Póvoa de Lanhoso, visitar a obra e ouvir o testemunho da artesã Júlia Côta. Para além disso, foi dado a conhecer aos deputados as aspirações e actividades da Academia de Música de Vila Verde e dos autarcas de Fafe e Cabeceiras de Basto sobre as relações entre o poder local e o Governo neste sector.

Nas visitas aos monumentos nacionais, os deputados socialistas reuniram com a Directora Regional de Cultura do Norte e com os respectivos directores dos equipamentos onde tomaram conhecimento das suas preocupações e do plano de acção para os mesmos. No Mosteiro de Tibães foi realizada uma conferência de imprensa onde se deu nota da “marca diferenciadora do PS face a outras forças políticas quando assume funções governativas em matéria de investimento no sector cultural”.

📸 Direitos Reservados

Foi referida a meta do Governo para atingir 2,5% de Orçamento do Estado até final da legislatura. Já no orçamento do Estado para 2023 verificou-se um crescimento com reflexos no apoio sustentado às artes na ordem dos 114% mas, também, no tocante à programação cultural em geral, graças ao investimento na Rede de Teatros e Cine-Teatros Portugueses, estão disponíveis para esse fim mais 10M€ repartidos entre Administração Central e Autarquias.

Segundo os deputados socialistas, no distrito de Braga, o apoio sustentado às artes beneficiou a Companhia de Teatro de Braga com apoios quadrienais no valor de 1,6 milhões de euros, a Associação Cultural Nome Próprio, de Guimarães, com 720 mil euros, a companhia de dança bracarense Arte Total com 720 mil euros e em apoios bienais a Sinfonieta de Braga com apoio de 240 mil euros ou os Encontros da Imagem que recebem 120 mil euros, num total de 3,4 milhões de apoios para o distrito de Braga. No âmbito dos investimentos na área da valorização do património cultural este ronda os 6,5M€ no distrito.

Foi dado conta que o Governo decidiu ainda adaptar monumentos e sítios com expressivos investimentos nas visitas virtuais e digitalização de espólio, entre eles o Castelo de Guimarães, Paço dos Duques de Bragança, Mosteiro de São Salvador, de Vilar de Frades e os museus dos Biscaínhos, D. Diogo de Sousa e Alberto Sampaio.

📸 Direitos Reservados

© 2023 Guimarães, agora!


Partilhe a sua opinião nos comentários em baixo!

Siga-nos no FacebookTwitter e Instagram!
Quer falar connosco? Envie um email para geral@guimaraesagora.pt.

PUBLICIDADE • CONTINUE A LER

Artigos Relacionados

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

PUBLICIDADE • CONTINUE A LER

Últimas Notícias