CDU: conhecer a realidade social do norte do concelho

Briteiros pode ser a bússola da CDU para melhor entender a realidade social e económica que se expande a partir do norte do concelho.



Mariana Silva, Torcato Ribeiro, Cândido Capela Dias e Nuno Carvalho, foram os exploradores de uma realidade social que enriquece os candidatos da CDU. E que permitem propor soluções de modo a estimular as acções de várias instituições e suscitar os devidos apoios financeiros da Câmara Municipal.

A Casa do Povo de Briteiros, a Castreja – cooperativa de apoio social e cultural e o Museu da Cultura Castreja foram incluídos na rota de visitas dos candidatos comunistas e verdes.

Uma forma de sentir que aquelas associações “prestam um serviço social e cultural a uma vasta área territorial que não pode deixar de ser valorizado e apoiado pelas autarquias”.

E no caso da Casa do Povo de Briteiros perceber que “a nova valência em construção insere-se no esforço sério daquela IPSS de dar respostas concretas à população, no domínio do acompanhamento e cuidados sanitários da terceira idade”.

“A pandemia e em particular o confinamento tiveram efeitos malignos na população mais idosa, que ficou isolada, afectada na sua mobilidade…”

“A CDU, – pelo exemplo de Briteiros – viu confirmada a sua percepção de que a pandemia e em particular o confinamento tiveram efeitos malignos na população mais idosa, que ficou isolada, afectada na sua mobilidade, com agravamento de doenças”. E cujos efeitos acrescentaram necessidades novas que é urgente e imperioso considerar e resolver.

“O papel social e cultural destas duas colectividades, exigem valorização, reconhecimento e apoios dignos que a CDU se predispôs a defender e a garantir da Câmara Municipal” – informa a nota distribuída depois da visita dos candidatos da coligação PCP/Os Verdes.

© Direitos Reservados

Um regulamento comum que uniformize os critérios sobre os apoios sociais e uma coordenação entre as associações foi uma sugestão que resulta desta viagem política pelo norte do concelho.

Os candidatos da CDU, reuniram-se com a Sociedade Martins Sarmento na Quinta da Ponte, Casa de Campo de Família de Francisco Martins Sarmento e actualmente Museu da Cultura Castreja, que pertence a esta instituição cultural vimaranense. Este Museu expõe uma parte significativa do espólio de achados arqueológicos da Citânia de Briteiros e permite, a quem o visita, uma melhor interpretação dos utensílios e objectos usados pelos nossos antepassados castrejos.

© 2021 Guimarães, agora!


Partilhe a sua opinião nos comentários em baixo!

Siga-nos no Facebook, Twitter e Instagram!
Quer falar connosco? Envie um email para geral@guimaraesagora.pt.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

- publicidade -
- publicidade -
- publicidade -

Leia também