24.5 C
Guimarães
Segunda-feira, Maio 27, 2024

Vitória: Sporting jogou simples, prático… e ganhou!

Economia

Foi um jogo para campeão se mostrar. O Sporting foi o dono do jogo e nunca foi incomodado por uma equipa cujo treinador havia admitido que lutaria por conquistar 15 pontos nos cinco jogos que faltavam disputar.

O Vitória entrou sem Jota Silva, Nélson Oliveira e Nuno Santos, e com Adrián Butzke, André André, Miguel Maga, o primeiro sinal de que, afinal, ganhar era apenas um intenção remota.

PUB

No decorrer do jogo, percebeu-se que os leões jogavam tão simples e tão fácil que os seus golos e oportunidades foram construídos no rectângulo da grande área, com toques e trocas sucessivas que baralharam a defesa vitoriana.

Com atacantes habituados a marcar golos – Gyökeres e companhia -, o Sporting entrou de forma tranquila esperando apenas que os avançados resolvessem o jogo. E foi isso que aconteceu.

Borevkovic (20’) defendeu atrás de Bruno Varela um remate de Trincão adiando o primeiro golo que Pedro Gonçalves (30’) concretizaria num lance em que Manu Silva e Daniel Bragança disputam a bola e ela sobra para o avançado que rematou colocado e sem hipótese para Bruno Varela.

© Vitória SC

Os três golos do jogo são de excelente execução de uma equipa que não tem rival no campeonato. O Vitória respeitou o calendário e nunca mostrou força para ‘vergar’ o adversário.

Aliás, o Sporting falhou mais golos do que as oportunidades que o Vitória criou. Só depois da entrada de Jota Silva e com outras substituições a equipa de Álvaro Pacheco logrou dar um ar mais atacante, com mais remates mas sempre incapaz de dar a volta ao jogo.

Percebeu-se que não valia a pena ao Vitória gastar energias com um adversário que joga para o título quando há outros resultados a conquistar com Boavista, Rio Ave ou Arouca.

O Vitória alinhou com: Bruno Varela, Miguel Maga, Manu Silva, Borevkovic, Tomás Ribeiro (Mikel Villanueva 75’), Afonso Freitas (Alberto Baio 75’), André André (Jota Silva 58’), Tomás Händel, Tiago Silva, Kaio César (Nélson Oliveira 84’), Adrián Butzke (Nuno Santos 58’).

Amarelos: Nélson Oliveira (93’).

Foto © Vitória SC

© 2024 Guimarães, agora!


Partilhe a sua opinião nos comentários em baixo!

Siga-nos no FacebookTwitter e Instagram!
Quer falar connosco? Envie um email para geral@guimaraesagora.pt.

PUBLICIDADE • CONTINUE A LER

Artigos Relacionados

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

PUBLICIDADE • CONTINUE A LER

Últimas Notícias