8.9 C
Guimarães
Quinta-feira, Fevereiro 2, 2023

UMinho: laboratório para a literacia na era digital em Famalicão

É inaugurado, hoje, e vai produzir conteúdos, programas e políticas para o ambiente digital.


A Universidade do Minho inaugura o laboratório Augmented Human Intelligence Axis (AHiA) hoje, terça-feira, pelas 15h00, no futuro pólo em São Cosme do Vale, Famalicão. 

A sessão contará com intervenções do reitor da UMinho, Rui Vieira de Castro, do presidente da Escola de Engenharia da UMinho (EEUM), Pedro Arezes, do director do centro de investigação ALGORITMI, José Machado, e do presidente e do vereador da Cultura do Município de Famalicão, respectivamente Paulo Cunha e Leonel Rocha.

O evento inclui a apresentação do relatório “Alfabetização XX & Literacia XXI – Conhecimento para Todos”, a cargo da fundadora da agência luso-neerlandesa Humanity of Things, Marisa Monteiro Borsboom, e do director do laboratório AHiA e professor da EEUM, Cesar Analide. O programa engloba também a abertura de uma exposição de escultura em papel de Marco Filipe.

O AHiA é co-promovido pelo Laboratório de Inteligência Sintética do Centro ALGORITMI e pela Humanity of Things. Os seus 15 elementos vão produzir conteúdos, programas e políticas que visam a construção de um ambiente digital e tecnológico humanizado e centrado na disseminação de conhecimento. A intenção é garantir ferramentas e conhecimentos de literacia, ética, pensamento filosófico e direitos humanos na esfera online e tecnológica para qualquer cidadão.

A infraestrutura laboratorial da UMinho em Famalicão passa a ter 17 laboratórios, sendo oito do Centro de Engenharia Biológica, cinco do Centro de Microssistemas Electromecânicos, um do Centro ALGORITMI e três laboratórios multidisciplinares, onde se integra o Laboratório de Tecnologias e Sistemas de Materiais Avançados. Já a infraestrutura industrial conta com a presença das spin-offs Nanopaint e Satisfibre. Actualmente trabalha no pólo quase uma centena de investigadores da UMinho em 40 projectos aprovados, que têm um financiamento global de 10 milhões de euros.

© 2021 Guimarães, agora!


Partilhe a sua opinião nos comentários em baixo!

Siga-nos no Facebook, Twitter e Instagram!
Quer falar connosco? Envie um email para geral@guimaraesagora.pt.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

PUBLICIDADE • CONTINUE A LER
PUBLICIDADE • CONTINUE A LER
PUBLICIDADE • CONTINUE A LER

Leia também