4.3 C
Guimarães
Sábado, Janeiro 28, 2023

Tecnologia: invisuais já podem “ouvir” o que é o Paço dos Duques

Um software de leitura de tela permite aos invisuais “ouvir” o que é o Paço dos Duques numa visita imaginária.


Aos invisuais já pode ser contada a história do Paço dos Duques. Com a ajuda de um software que fornece informações através de síntese de voz sobre os elementos exibidos numa tela do computador, os invisuais já podem imaginar a beleza e a riqueza de um dos palácios que marcou a monarquia que reinou em Portugal.

O site do Paço dos Duques de Bragança permite essa possibilidade, desde o início do mês de Abril, tornando-se inclusivo para os invisuais, cumprindo o disposto no Decreto-Lei nº 83/2018, o qual define os requisitos de acessibilidade dos sítios web e das aplicações móveis de organismos públicos, transpondo a Directiva da União Europeia 2016/2102.

“A comunicação digital tem sido reforçada, como forma de contacto privilegiado com os visitantes, estimulando as visitas aos sites e redes sociais dos museus e monumentos afectos a esta entidade” – refere a nota emitida pela direcção do Paço dos Duques.

© Direitos Reservados

O leitor de tela é um software utilizado principalmente por pessoas invisuais, que fornece informações através de síntese de voz sobre os elementos exibidos na tela do computador. O leitor de tela também pode transformar o conteúdo em informação táctil, exibida dinamicamente em Braille por um hardware chamado de linha ou display Braille, servindo, em especial, a usuários com surdo-cegueira, pessoas com baixa visão e pessoas com dislexia que podem, igualmente, fazer uso dos leitores de tela.

© 2021 Guimarães, agora!


Partilhe a sua opinião nos comentários em baixo!

Siga-nos no Facebook, Twitter e Instagram!
Quer falar connosco? Envie um email para geral@guimaraesagora.pt.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

PUBLICIDADE • CONTINUE A LER
PUBLICIDADE • CONTINUE A LER
PUBLICIDADE • CONTINUE A LER

Leia também