14.8 C
Guimarães
Quarta-feira, Abril 17, 2024

Secretário de Estado do Ambiente: “Guimarães está à frente do seu tempo”

Economia

O Secretário de Estado do Ambiente esteve, ontem, presente na primeira sessão das Vitrus Talks, iniciativa que assinalou o Dia Internacional de Acção pelos Rios. Entre referências aos projectos e iniciativas de sustentabilidade ambiental do Município, Hugo Pires comprometeu-se com a regulamentação da profissão de Guarda-Rios.

📸 GA!

A primeira sessão da Vitrus Talks decorreu ontem, na freguesia de Ponte, e contou com a presença do Secretário de Estado do Ambiente, Hugo Pires, do vice-presidente da Agência Portuguesa do Ambiente (APA), José Pimenta Machado, do presidente da Câmara, Domingos Bragança e do presidente do Conselho de Administração da Vitrus e da Junta de Freguesia de Ponte, Sérgio Castro Rocha.

“Desde o dia 1 de Janeiro até ontem, já estiveram em cerca de 70 ocorrências.”

Na sua intervenção, o responsável da Vitrus sublinhou a importância dos Guarda-Rios, profissão ressuscitada em 2021 por Guimarães, e que, “desde o dia 1 de Janeiro até ontem, já estiveram em cerca de 70 ocorrências”. Sérgio Rocha, após ilustrar o trabalho e relevância destas figuras, deixou o desafio ao Secretário de Estado do Ambiente de regulamentar a profissão extinta em 1995. “Quando digo que há necessidade de regulamentar esta figura, não estou a referir-me à mesma regulamentação que foi extinta, até porque os tempos são outros” disse o presidente da Vitrus Ambiente. Defendeu, ainda, que “a figura dos Guardas-Rios, a par da fiscalização das linhas de água para que se consiga fazer um trabalho de maior proximidade e com resultados, deve ser competência dos municípios ou de empresas municipais”.

📸 GA!

“Quero aqui assumir o compromisso que o Governo iniciará esse processo de regulamentação da profissão de Guarda-Rios.”

Hugo Pires aceitou o desafio: “Hoje, quero aqui assumir o compromisso que o Governo iniciará esse processo de regulamentação da profissão de Guarda-Rios”, assegurou. O membro do governo central reconheceu que esta figura “tem hoje outras tarefas e ferramentas” mas continua relevante e necessária para a protecção e preservação das linhas de água.

No que diz respeito às acções realizadas no concelho para a preservação do ambiente, o Secretário de Estado referiu que “Guimarães é uma autarquia que anda sempre à frente do seu tempo”. Realçou alguns dos projectos em curso na cidade, nomeadamente o sistema PAYT -Pay As You Throw-, o qual quer ver como está a ser implementado quando cá regressar. Disse, ainda, que será “com muito gosto” que virá à inauguração da Capital Verde Europeia, em 2025, porque acredita que não há cidade europeia mais merecedora do mérito que Guimarães.

Numa nota menos positiva, o governante apontou os problemas de água enfrentados na actualidade, em particular a seca sentida em algumas regiões da Europa como a França e o Reino Unido. Alerta que em Portugal também sentimos seca extrema no verão do ano passado, destacando o facto de algumas zonas terem sido abastecidas por camiões-cisterna e locais em Faro que continuam a necessitar de fornecimento externo.

Manifestação contra via do AvePark

Um grupo de cerca de 20 pessoas aproveitou a presença do Secretário de Estado do Ambiente para se manifestar contra a construção da via do AvePark. Os manifestantes eram, na generalidade, cidadãos das freguesias por onde está projectado passar a ligação rodoviária. O representante da acção, Miguel Coutinho, afirma que a via “nada vai servir os interesses das freguesias e das pessoas que nelas habitam”.

📸 GA!

“Estamos a falar de estradas que vão ser cortadas, de caminhos que os nossos pais e avós lutaram durante muitos anos para serem criados e que, neste momento, vão ser extintos e nós não nos revemos nisso”, expressa o manifestante. Miguel Coutinho relata exemplos de pessoas que “vivem a 100 ou 200 metros do seu local de trabalho que vão ter que fazer cerca de dois quilómetros”.

O representante do movimento cívico acredita que a população não está bem informada sobre o impacto que esta via terá e, por isso, já realizaram uma primeira sessão de esclarecimentos.

📸 GA!

© 2023 Guimarães, agora!


Partilhe a sua opinião nos comentários em baixo!

Siga-nos no FacebookTwitter e Instagram!
Quer falar connosco? Envie um email para geral@guimaraesagora.pt.

PUBLICIDADE • CONTINUE A LER

Artigos Relacionados

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

PUBLICIDADE • CONTINUE A LER

Últimas Notícias