Pacto climático: Braga e Guimarães contribuem para sustentabilidade

Aderiram ao compromisso de utilizar práticas mais sustentáveis e de aumentar a eficiência energética, de acordo com os objetivos do Pacto Climático.


De um total de 16 organizações portuguesas que se comprometem a trabalhar para a redução da emissão de CO2 e para um aumento da eficiência energética, também os municípios de Braga e Guimarães aderiram ao Pacto Climático Europeu

Com o intuito de praticarem ações mais sustentáveis e reduzirem em 100% a emissão dos gases de estufa até o final 2050. Para tal, traçaram determinadas metas que acreditam ser cruciais para a realização dos objetivos da iniciativa europeia.

Os municípios de Guimarães e de Braga pretendem utilizar práticas mais sustentáveis e incuti-las na sociedade. A sua participação nesta iniciativa é fundamental para o desenvolvimento de um meio ambiente mais saudável, dado que as suas áreas geográficas ocupam uma percentagem significativa do território português.

Sensibilizando os moradores a contribuírem para o alcance das metas estipuladas, ambos os municípios pretendem desenvolver um plano de cidade publicado anualmente, bem como realizar e divulgar atividades de sustentabilidade relacionadas com as alterações climáticas

Adicionalmente, os municípios pretendem alcançar objetivos relacionados com a área da energia renovável e da eficiência energética, publicando os respetivos progressos, de forma a estimular a continuação de práticas sustentáveis. 

Comprometem-se ainda a medir e a informar todos os munícipes relativamente ao consumo de carnes e lacticínios e incentivar a compra de frutas e legumes frescos em determinados centros de comércio. Serão, também, incorporadas metas de segurança híbrida e uma estratégia de gestão dos respetivos recursos, economizando a água.

Os dois municípios desejam convencer os seus habitantes, visitantes e parceiros a optarem por ações mais sustentáveis, visando num planeta mais verde. As suas contribuições em iniciativas como a do Pacto Climático são fundamentais para a construção de um.

Torna-se fundamental incentivar a que mais municípios e organizações se juntem a este projeto, reforçando o seu papel  activo. Contudo, é ainda possível que esse compromisso seja assumido de forma individual, já que todos deverão contribuir para uma Europa mais neutra e um planeta melhor.

📸 Direitos Reservados

© 2022 Guimarães, agora!


Partilhe a sua opinião nos comentários em baixo!

Siga-nos no Facebook, Twitter e Instagram!
Quer falar connosco? Envie um email para geral@guimaraesagora.pt.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

- publicidade -
- publicidade -
- publicidade -

Leia também