15.1 C
Guimarães
Segunda-feira, Julho 15, 2024

Folclore: festival internacional em Vila Nova de Sande

Economia

É no Sábado (dia 23 de Julho), será a 39ª edição e conta com grupos da Costa do Marfim e do Chile.


Os festivais de folclore estão de regresso, às vilas e freguesias de Guimarães. É uma tradição incontornável da época de Verão que a pandemia não conseguiu apagar.

Vila Nova de Sande, tem um lugar na história dos festivais que se realizam em Guimarães. E que a 39ª edição, em 2022, revive, com o mesmo entusiasmo. 

O Grupo Folclórico do Centro Social de Vila Nova de Sande organiza o certame no recinto do Centro Social, Cultural, Desportivo e Recreativo.

E dança, juntamente, com outros grupos: Rancho Folclórico da Casa do Povo do Pego (Abrantes), Grupo Folclórico da Região do Vouga (Águeda) e o Rancho Folclórico da Casa do Povo de Arouca.

A este cartaz nacional de grupos folclóricos, reforçam a vertente internacional do festival o grupo Compagnie Mien-Moh da Costa do Marfim, e o Ballet Folclórico Municipal de Rancagua, do Chile.

“É algo tão enraizado na nossa vivência, que essa impossibilidade que nos foi imposta, nos fez entristecer”.

“Foi muito doloroso para nós, Grupo Folclórico do Centro Social de Vila Nova de Sande, vivermos estes dois anos sem realizarmos a nossa grande festa. É algo tão enraizado na nossa vivência, que essa impossibilidade que nos foi imposta, nos fez entristecer, mas também nos fez valorizar ainda mais, a importância do grande trabalho que temos vindo a desenvolver ao longo dos anos” – revela a nota de imprensa divulgada pela direcção daquele grupo.

“A nossa prioridade é que todos voltem a sentirem-se bem em Vila Nova de Sande, os grupos que nos visitam, as nossas entidades convidadas, os nossos parceiros, componentes, familiares e amigos, mas principalmente o grande público, que nas últimas edições nos habituou a uma casa cheia, e do qual temos tantas saudades” – acrescenta.

O Festival Internacional de Folclore de Vila Nova de Sande já não passa despercebido na oferta cultural vimaranense, e é com essa responsabilidade que foi preparada esta 39ª edição. 

“Queremos cada vez mais, que este evento seja um evento com qualidade, feito por vimaranenses e para os vimaranenses, e com o melhor acolhimento a todos os que nos vão visitando ao longo dos anos, vindos de qualquer ponto do país ou do mundo” – revelam os organizadores.

📸 Direitos Reservados

© 2022 Guimarães, agora!


Partilhe a sua opinião nos comentários em baixo!

Siga-nos no Facebook, Twitter e Instagram!
Quer falar connosco? Envie um email para geral@guimaraesagora.pt.

PUBLICIDADE • CONTINUE A LER

Artigos Relacionados

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

PUBLICIDADE • CONTINUE A LER

Últimas Notícias