Hospital: nível Bom na certificação integral dos serviços

Há três hospitais em Portugal com certificação de todos os serviços ao nível do Bom. E um deles é o Hospital da Senhora da Oliveira em Guimarães.


A certificação foi, entretanto, atrasada, pelo efeito da pandemia, nos últimos dois anos, e só agora a Direcção Geral de Saúde concluiu a avaliação e acreditação do HSOG num nível que o coloca num trio de hospitais que viram os seus serviços reconhecidos na categoria de Bom.

Essa classificação foi reconhecida no dia 5 de Maio pretérito, para todos os serviços que são prestados naquele estabelecimento hospitalar. E será objecto de uma cerimónia solene de certificação no dia 16 de Maio, pelas 11h30.

“O certificado atribuído atesta a conformidade com as especificações e os standards estabelecidos nos manuais próprios e demais requisitos do modelo de certificação de Unidades de Saúde do Ministério da Saúde” – salienta uma nota emitida esta manhã pelo HSOG. 

“Ficando desta forma fortalecida a confiança dos cidadãos e dos profissionais neste hospital”.

Acrescenta a nota, que “esta certificação visa reconhecer a qualidade do hospital enquanto entidade prestadora dos cuidados de saúde, ao nível das estruturas organizativas, mas essencialmente da prática clínica desenvolvida pelos profissionais na prestação dos cuidados de saúde aos utentes, consolidando a cultura de qualidade e segurança que se pretende para todo o Serviço Nacional de Saúde, ficando desta forma fortalecida a confiança dos cidadãos e dos profissionais neste hospital”

Este processo de certificação foi conduzido pelo Departamento da Qualidade na Saúde (DQS) da Direcção-Geral da Saúde (DGS), tendo como referência a Estratégia Nacional para a Qualidade na Saúde (despacho nº 5613/2015, de 24 de Junho) e os procedimentos documentados em vigor no Departamento da Qualidade na Saúde.  

“Esta certificação foi uma clara aposta do conselho de administração do HSOG, e só foi possível graças ao empenho, profissionalismo e dedicação de todos os profissionais deste Hospital” – conclui a nota de imprensa.

📸 Marco Jacobeu

© 2022 Guimarães, agora!


Partilhe a sua opinião nos comentários em baixo!

Siga-nos no Facebook, Twitter e Instagram!
Quer falar connosco? Envie um email para geral@guimaraesagora.pt.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

- publicidade -
- publicidade -
- publicidade -

Leia também