Hospital: médicos internos vão formar-se nos próximos anos

São 85 os médicos que durante o ano vão aprofundar a sua formação através do internato de formação geral e de formação específica.


Oriundos das escolas universitárias, o Hospital Senhora da Oliveira será o palco da frequência de um internato para vários médicos que vão formar-se em “internistas”, uma especialidade onde se notam défices de qualificação face à afluência que se verifica nos serviços de urgência.

A maioria (58) vão frequentar um internato de formação geral e outros (27) aumentarão os seus conhecimentos no internato de formação específica.

Para este corpo de jovens médicos, os próximos anos, serão assim passados no Hospital da Senhora da Oliveira em Guimarães, onde o Internato Médico será um momento importante na sua carreira de profissionais do sector da saúde.

O primeiro ano do Internato Médico de Formação Geral será caracterizado por um período de formação onde o médico tem oportunidade de contactar com vários serviços. E no caso do Internato de Formação Específica, a especialização ocorre num período que pode durar entre quatro e seis anos.

No Hospital de Guimarães os Internos de Formação Geral irão desenvolver, ao longo de 2022, a sua formação através de uma medicina tutelada, nas seguintes especialidades:

  • Medicina Interna
  • Cirurgia
  • Pediatria
  • Medicina Geral e Familiar

Os internos de Formação Específica dedicarão, a sua experiência profissional, às especialidades de Anestesiologia (2), Cardiologia (1), Cirurgia Geral (2), Gastrenterologia (1), Ginecologia/Obstetrícia (2), Imunohemoterapia (1), Medicina Física e Reabilitação (2), Medicina Interna (6), Medicina do Trabalho (1), Oncologia Médica (1), Ortopedia (2), Otorrinolaringologia (1), Patologia Clínica (2), Pediatria (2) e Psiquiatria (1).

📸 Direitos Reservados

Os jovens médicos foram recebidos numa sessão que decorreu no auditório do Hospital em que estiveram Henrique Capelas e João Miranda (conselho de administração), Hélder Trigo (director clínico), Ana Luísa Bastos (enfermeira directora), Elisa Torres (directora do internato médico) e Pedro Guimarães Cunha (director do centro académico e de formação).

Todos deram as boas-vindas aos médicos e futuros especialistas que escolheram o Hospital de Guimarães para realizar o seu internato. A escolha destes jovens médicos para realizarem o seu processo formativo é, mais uma vez, o reconhecimento da qualidade pedagógica e capacidade formativa desta instituição de saúde, dando a oportunidade a estes médicos de aprofundarem os seus conhecimentos e valorizarem as suas competências profissionais.

“Destaca-se, o facto do Hospital de Guimarães ter especialidades com idoneidade formativa no contexto da formação médica em Portugal”.

“Destaca-se, ainda, o facto do Hospital de Guimarães ter especialidades com idoneidade formativa no contexto da formação médica em Portugal, comprovando a sua excelência nesta área e contribuindo, desta forma, para uma maior qualificação do Serviço Nacional de Saúde, bem como para a contínua qualidade na prestação de cuidados de saúde na região” – lê-se na nota emitida pelos serviços de comunicação do HSOG.

📸 Direitos Reservados

© 2022 Guimarães, agora!


Partilhe a sua opinião nos comentários em baixo!

Siga-nos no Facebook, Twitter e Instagram!
Quer falar connosco? Envie um email para geral@guimaraesagora.pt.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

- publicidade -
- publicidade -
- publicidade -

Leia também