PS: Sofia Ferreira na zona sul do concelho

A sessão pública realizada em Conde/Gandarela deixou a candidata à concelhia satisfeita com os apoios recebidos.


A nota de imprensa divulgada esta manhã, destaca a presença de vários autarcas. E o apoio incondicional a Sofia Ferreira do presidente da Junta de Freguesia, Flávio Freitas que elogiou a participação activa dos cidadãos vimaranenses na apresentação de ideias para o futuro do território e, em particular, do PS de Guimarães.

Na reunião foram apresentados contributos por todos os presentes nas áreas de Organização Política, Desenvolvimento Sustentável, Formação e Emprego, Desenvolvimento Humano, Intervenção Social e Saúde e Desenvolvimento do Território para a construção da moção final.

Sofia Ferreira agradeceu a disponibilidade de todos que, apesar do calor que se fez sentir, não deixaram de marcar presença na sessão. Dirigiu uma palavra de agradecimento a Flávio Freitas, pelo seu trabalho e envolvimento na sua candidatura. 

“Mais do que liderar, o que pretendo é liderar um colectivo”.

“Queremos sensibilizar o maior número de militantes. Esta é uma candidatura inclusiva que pretende dar voz a todos. Conto com a ajuda de todos, para ser a primeira mulher presidente do Partido Socialista de Guimarães. Tive o privilégio de aprender muito com militantes da base. Mais do que liderar, o que pretendo é liderar um colectivo”, sublinhou Sofia Ferreira.

Acrescentou que “esta não é uma candidatura de promoção pessoal. Nem eu, nem os meus companheiros de luta queremos protagonismo. Queremos, sim, dar o nosso melhor ao partido e aos socialistas. Temos de continuar a ser verdadeiros, a ser próximos dos nossos e construir, em conjunto, um projecto que vai continuar a merecer a confiança dos vimaranenses”.

Sofia Ferreira sublinhou que a sua candidatura “é capaz de assegurar tranquilidade e serenidade na Câmara Municipal, nas suas freguesias, nos locais onde ainda somos oposição e na Assembleia Municipal”.

📸 Direitos Reservados

A candidata lembrou a história do partido ao nível da estabilidade. “Estamos conscientes das nossas fragilidades, mas continuamos a identificação de cada uma delas para melhorar com as nossas freguesias e os seus habitantes. É o caso do desígnio da mobilidade quer no transporte colectivo rodoviária quer mesmo no ferroviário, de que não nos esquecemos”.

Marta Coutada, que é a candidata à estrutura local das Mulheres Socialistas, está ao lado de Sofia Ferreira, conferindo a participação das mulheres no executivo da Câmara. 

“Não conseguiremos atrair mais jovens se não nos envolvermos”.

“É uma referência nacional, promovida pelo presidente, Domingos Bragança, que muito bem identifica o potencial das mulheres. Este é um legado que deve ser reconhecido, continuando a dar voz às jovens mulheres na vida política. Não conseguiremos atrair mais jovens se não nos envolvermos. Esta candidatura honra o legado de todos os que têm feito do Partido Socialista, um partido próximo de todos com o envolvimento de todos”, referiu Marta Coutada.

A próxima sessão está agendada para dia 14 de Julho (Quinta-feira), na Junta de Freguesia de Gonça, às 21 horas.

📸 Direitos Reservados

© 2022 Guimarães, agora!


Partilhe a sua opinião nos comentários em baixo!

Siga-nos no Facebook, Twitter e Instagram!
Quer falar connosco? Envie um email para geral@guimaraesagora.pt.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

- publicidade -
- publicidade -
- publicidade -

Leia também