9.4 C
Guimarães
Sexta-feira, Maio 24, 2024

Distrito de Braga: 25 milhões de euros para Justiça e Investigação Judicial

Economia

O Primeiro-Ministro, ministros e secretários de estado estiveram no distrito de Braga, nos dias 3 e 4 Maio em mais uma iniciativa do Governo +Próximo. No Conselho de Ministros que decorreu no Mosteiro de Tibães foi aprovado, entre outros assuntos, com impacto directo no distrito de Braga, um envelope financeiro de investimento de 25 milhões de euros para a área da justiça e investigação judicial.

Contando com mais de 90 iniciativas agendadas para todo o distrito, em que cada membro do governo cumpriu uma agenda específica, o Primeiro-Ministro, ministros e secretários de estado tiveram a oportunidade de visitar instituições, almoçar com empresários, reunir com autarcas e dirigentes, andar
na rua e tomar conhecimento da realidade económica, social, cultural e financeira do distrito.

Durante esta iniciativa, foram aprovadas despesas relativas aos procedimentos de obras de ampliação e requalificação do Palácio da Justiça – sede da comarca, em Braga, do Palácio de Justiça de Fafe e do Tribunal Administrativo e Fiscal de Braga. Outra boa notícia para o distrito foi a da construção do novo Palácio da Justiça de Guimarães, uma pretensão antiga da autarquia vimaranense que viu agora alcançado esse desejo.

Foram também autorizados seis milhões de euros para adaptação do edifício do departamento de Investigação Criminal de Braga da Polícia Judiciária. Este anúncio faz parte do lançamento do plano do edificado para a justiça, quer na área dos tribunais quer da Polícia Judiciária.

Outro momento a assinalar, no âmbito da mobilidade, foi a apresentação do projecto BRT Braga (Bus Rapid Transit Braga). Este sistema de transporte, com um investimento de cerca de 100 milhões de euros, terá duas linhas totalmente dedicadas, implementadas no segundo semestre de 2026 e foi incluído na actualização do Programa de Recuperação e Resiliência (PRR) do Governo. O BRT Braga permitirá ligar o centro da cidade a pólos geradores de mobilidade, nomeadamente à estação de caminho-de-ferro, hospital e superfícies comerciais.

Ainda no campo da mobilidade, em Guimarães procedeu-se à assinatura do protocolo entre o Fundo Ambiental e o Município de Guimarães – estudos técnicos sistema de BRT em Guimarães, com ligação ao BRT previsto para Braga e Guimarães. Destaque também para a assinatura do memorando para apoio à elaboração de uma estratégia de mobilidade sustentável para pessoas e mercadorias – Associação de Municípios de Fins Específicos Quadrilátero Urbano.

“O foco do Governo e do PS são as pessoas e a resolução dos problemas do país.”

O presidente da Federação de Braga do Partido Socialista, elogiou esta iniciativa no distrito, destacando que “Uma governação socialista é, por definição, uma governação que olha para o país como um todo e que faz depender o seu sucesso da redução da pobreza, do combate à exclusão e a melhoria de vida e de condições dos serviços públicos.” Acrescentou também que “o foco do Governo e do PS são as pessoas e a resolução dos problemas do país.”

Frederico Castro destacou ainda que “os Municípios são parceiros essenciais na execução do Programa de Recuperação e Resiliência. É importante continuarmos concentrados e focados na boa execução do PRR e valorizar o que de bom se alcança para o distrito, para todos nós, para Portugal.”

📸 Direitos Reservados

© 2023 Guimarães, agora!


Partilhe a sua opinião nos comentários em baixo!

Siga-nos no FacebookTwitter e Instagram!
Quer falar connosco? Envie um email para geral@guimaraesagora.pt.

PUBLICIDADE • CONTINUE A LER

Artigos Relacionados

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

PUBLICIDADE • CONTINUE A LER

Últimas Notícias