6.7 C
Guimarães
Quinta-feira, Fevereiro 2, 2023

Animais: ampliação do centro de recolha à espera de projecto

Bruno Fernandes lamentou que um ano e quatro meses depois o projecto de ampliação do CRO ainda não esteja pronto e Sofia Ferreira refutou que haja negligência neste processo.


A ampliação do Centro de Recolha Oficial – CRO – para animais levou Bruno Fernandes, vereador da Coligação Juntos por Guimarães, a acusar a Câmara Municipal de “negligência”

Numa situação de “lotação esgotada”, com a população de animais errantes a vaguear entre os cidadãos, o vereador entende que “falta sensibilidade” nesta situação que, no seu entender, dá à Câmara “uma responsabilidade acrescida” no alojamento de animais.

Lamentou que “o projecto de ampliação” do centro de recolha de animais, anunciado em Fevereiro, por Sofia Ferreira, continue em situação de espera. Bruno Fernandes, questionou mesmo “quantos anos demora a ter um projecto pronto”.

© GA!

A vereadora do Ambiente refutou as críticas e defendeu que “não há negligência do Município”, enaltecendo toda a dedicação do pessoal do CRO em dar “resposta a uma intensa procura”, anunciando que o projecto estará pronto até ao final do mês de Julho.

Nas declarações aos jornalistas, no final da reunião de Câmara, de Segunda-feira, Bruno Fernandes explicaria ainda que “um ano e quatro mês depois”, ainda não não há projecto para a ampliação do CRO, “mais um exemplo de que este executivo está esgotado”, classificando a explicação de Sofia Ferreira como “risível” por informar que “o projecto, afinal, vai estar pronto no fim do mês de Julho”.

Recorde-se que o Canil-Gatil Municipal foi inaugurado a 24 de Junho de 2005 e foi reconhecido como Centro de Recolha Oficial de Animais de Companhia a 21 de Janeiro de 2013. Funciona em Aldão e a sua capacidade de aceitação e recolha de animais está esgotada.

© 2021 Guimarães, agora!


Partilhe a sua opinião nos comentários em baixo!

Siga-nos no Facebook, Twitter e Instagram!
Quer falar connosco? Envie um email para geral@guimaraesagora.pt.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

PUBLICIDADE • CONTINUE A LER
PUBLICIDADE • CONTINUE A LER
PUBLICIDADE • CONTINUE A LER

Leia também