Empresas: os actuais desafios da energia analisados pela AIP

A competitividade industrial do ponto de vista da energia foi analisada por especialistas convidados pela Associação Industrial Portuguesa – AIP.


“A teoria do só renováveis com a rejeição do nuclear e da fragmentação hidráulica, o fracking, conduziu a Europa e está a conduzir-nos outra vez, para o abismo em termos de competitividade industrial”.

A afirmação foi sustentada por Pedro Sampaio Nunes durante o Fórum da Competitividade que juntou vários especialistas à AIP na organização desta discussão. E justificada porque “a China está a liderar todas as tecnologias críticas para o nosso futuro”

“Os novos desafios da energia”, decorreu no Centro de Congressos de Lisboa, o primeiro de um ciclo de Encontros Empresariais intitulado “Os Novos Desafios – Uma Perspectiva Empresarial”, organizado pela Associação Industrial Portuguesa (AIP) e pelo Fórum para a Competitividade.

📸 AIP

O objectivo destes Encontros é promover a participação dos agentes económicos quer na análise de vários temas que condicionam o crescimento de Portugal, quer na elaboração de propostas que potenciem o referido crescimento. De cada uma das sessões serão extraídas conclusões que irão resultar num conjunto de propostas.

Luís Mira Amaral, o ex-ministro da Indústria e Energia foi o moderador e fez uma introdução ao tema da actual situação energética. 

Pedro Sampaio Nunes, empresário e consultor, apresentou uma visão global sobre o sistema. Pedro Neves Ferreira, director de Gestão de Energia na EDP, centrou a sua intervenção na perspectiva do lado da oferta. 

João Mendonça e Costa, director executivo da Associação Portuguesa dos Industriais Grandes Consumidores de Energia Eléctrica, abordou a visão do lado dos que não vivem sem energia.

Por último, Ricardo Nunes, presidente da Associação dos Comercializadores de Energia, deixou, também, a sua visão.

📸 AIP

© 2022 Guimarães, agora!


Partilhe a sua opinião nos comentários em baixo!

Siga-nos no Facebook, Twitter e Instagram!
Quer falar connosco? Envie um email para geral@guimaraesagora.pt.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

- publicidade -
- publicidade -
- publicidade -

Leia também