Liga: Vitória acerta calendário com o Farense (21h45)

As contas da 1ª volta, ficam hoje concluídas, com a realização do Vitória-Farense que tinha sido adiado pelo mau estado do relvado.


João Henriques, treinador vitoriano, prevê um jogo difícil, contra uma equipa que está em crescendo. “A dificuldade do jogo é tremenda, porque o SC Farense está a tentar chegar-se mais à frente no pelotão em que está” – disse o técnico na antevisão do jogo.

“Nós queremos – prosseguiu – somar pontos para nos aproximarmos do pelotão da frente, respeitando o Farense, porque tem individualidades e uma equipa cada vez mais consistente. Criou sempre dificuldades às melhores equipas e perdeu, por vezes, nos detalhes.

Depois da derrota com o Rio Ave, o plantel concentra-se de modo a “dar uma resposta”, o que na opinião do treinador significa “dar uma resposta natural face a um resultado que fez a equipa sentir-se injustiçada numa fase de crescimento”. Ressalvando que “todas as equipas fortes têm acidentes de percurso”, João Henriques defende que “o que nos dá equilíbrio nas fases menos positivas do nosso percurso é sabermos o que somos.

João Henriques abordou a produção de Ricardo Quaresma, de cinco assistências e três tentos marcados, o que o torna no jogador do campeonato com mais participações em golo, situação que tem levado a uma maior marcação por parte dos adversários.

©Vitória SC

“Os números do Ricardo Quaresma são de nível europeu, garantindo assistências e golos…”

O treinador do Vitória repara que esse foco no internacional português permite libertar os restantes jogadores nos diversos momentos de jogo. “Vamos arranjando outras soluções. Não vamos largar o que temos de muito bom. Os números do Ricardo Quaresma são de nível europeu, garantindo assistências e golos. Se colocam mais do que um jogador à beira do Ricardo, há jogadores que aparecem livres no outro lado. Este é um jogo do ‘gato e do rato’ e vamo-nos adaptando.” – concluiu.

O Vitória recebe o Farense nesta quarta-feira, e são 23 os convocados: Bruno Varela, Easah Suliman, Abdul Mumin, Marcus Edwards, Bruno Duarte, Ricardo Quaresma, André André, Gideon Mensah, Rochinha, Falaye Sacko, Pepelu, Rúben Lameiras, Mikel Agu, Wakaso, Matous Trmal, Oscar Estupiñán, Jorge Fernandes, Zié Ouattara, Celton Biai, André Almeida, Noah Holm, Miguel Luís e Nicolas Janvier .

© 2021 Guimarães, agora!


Partilhe a sua opinião nos comentários em baixo!

Siga-nos no Facebook, Twitter e Instagram!
Quer falar connosco? Envie um email para geral@guimaraesagora.pt.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

2,626FansCurti
0SeguidoresSeguir
70SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Edição impressa

Leia também

Obras municipais: não há planeamento mas o que se faz é bom

O PSD refere que as obras em curso não têm planea...

O corpo das mulheres nunca será uma arma

Existe, indubitavelmente, uma diferença entre os ...

Ciclismo: representação nacional na UCI com um vimaranense

O Congresso da União Ciclista Internacional (UCI)...

UMinho: José Campos e Matos lidera a YES For Europe

A Confederação Europeia de Jovens Empresários, or...