Vitória: jogo com Moreirense foi de excelência e de loucos

Uma segunda parte de emoções fortes, de oportunidades de golo, fez do Vitória-Moreirense um grande jogo de futebol.


O jogo foi assaz competitivo, muito vivo, com muito público nas bancadas que coloriu o espectáculo.

Não foi um jogo fácil para o Vitória. O golo de Marcus Edwards é o detalhe que abriu o caminho da vitória apenas confirmada por um golpe de cabeça de Bruno Duarte.

Porém, o  duelo no relvado teve várias nuances. Para além de se ver uma equipa contra a outra, viu-se muitas vezes um diálogo entre Bruno Varela – que grande noite – e os avançados do Moreirense, Walterson, Rafael Martins, Derik e Paulinho.

O período mais difícil para o Vitória foi mesmo a partir do início da 2ª parte até ao final da partida. O Moreirense apertou o Vitória com cantos sucessivos, remates que Bruno Varela teve defender e remates que sairam desviados da baliza mas com sinal de perigo. E remates que bateram no poste consecutivamente.

O Moreirense jogou para empatar depois do intervalo, encurralando o Vitória no seu meio campo. Foi uma pressão enorme que não abrandou mesmo nem com as alterações que se registaram nas duas equipas.

O jogo começou com um equilíbrio activo em que se notou a acção de André André a chegar perto da área adversária com dificuldades para a defensiva do Moreirense.

A equipa de João Henriques atacou sobretudo pela ala esquerda com Derik a entender-se bem com Conté e pôr os cabelos em pé a Sacko.

Rochinha tentou contrapôr com incursões rápidas a partir do meio campo do Vitória e a rematar em força ou a cruzar com perigo, também do lado esquerdo. Marcus Edwards também se mostrou animado com descidas pela direita quase sempre concretizadas com cruzamentos acertados.

📸 Vitória SC

O Moreirense teve o golo à vista quando Rafael Martins rematou a passe de Conté, fazendo Bruno Varela brilhar.

Até que o equilíbrio no resultado foi desfeito num golo de Edwards que rematou seco para o segundo poste, aproveitando um passe de Rosic, levando a bola a bater não poste e a passar a linha de golo.

Em vantagem, o Vitória manteve a mesma toada sem se superiorizar ao Moreirense que foi sustendo os ataques do Vitória muitos deles resultantes de cruzamentos de Hélder Sá. E das transições rápidas de Rochinha que hoje comemorou os 100 jogos disputados com a camisola do Vitória que o presidente Pinto Lisboa assinalou com uma oferta de uma camisola especial.

A jogada mais emotiva aconteceu aos 83’ quando Bruno Varela fez duas defesas consecutivas e o Moreirense teve duas bolas ao poste, no mesmo minuto.

Na sequência do lance Quaresma isolou-se mas falhou a hipótese de marcar, deixando que Bruno Duarte desperdiçasse.

No canto seguinte o Moreirense sofre o segundo golo com Bruno Duarte a marcar de cabeça no primeiro poste.

O jogo terminou com o Moreirense a jogar e a tentar o empate mas Bruno Varela a portar-se como autentico muro; e o Vitória a sofrer mas a marcar. Andre Luís ainda cabeceou de cabeça mas a bola saiu a rasar o poste.

Aos 88’, Pires num remate de meia distância faz o 1-2 com a bola ainda a bater nas mãos de Bruno Varela. Logo de seguida, neste jogo de loucos, Janvier atirou contra Kevin que defendeu o remate forte do francês.

O espectáculo valeu por esta segunda parte e a mostrar que Guimarães e o Minho têm duas boas equipas no futebol nacional.

O Vitória alinhou com (4x3x3): Bruno Varela, Falaye Sacko, André Amaro, Abdul Mumin, Hélder Sá, André André (c) (Nicolas Janvier 66’), Tomás Händel (Alfa Semedo 86’), André Almeida (Tiago Silva 57’), Marcus Edwards, Rochinha (Ricardo Quaresma 67’), Estupiñan (Bruno Duarte 67’).

O Moreirense alinhou com (4x5x1): Kewin Silva, Paulinho, Steven Vitória (c), Rosic, Abdu Conté (Pedro Amador 91’), Fábio Pacheco (André Luís 78’), Ibrahima, Derik (Pires 67’), Franco (Jambor 67’), Walterson (Yan Matheus 91’), Rafael Martins.

Golos: Marcus Edwards (19’), Pires (88’), Bruno Duarte (85’).

© 2021 Guimarães, agora!


Partilhe a sua opinião nos comentários em baixo!

Siga-nos no Facebook, Twitter e Instagram!
Quer falar connosco? Envie um email para geral@guimaraesagora.pt.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

- publicidade -
- publicidade -
- publicidade -

Leia também