14.5 C
Guimarães
Terça-feira, Julho 16, 2024

Ténis: duelo entre as irmãs Jorge favorável a Francisca

Economia

Não é fácil quando do outro lado da rede está alguém que se conhece como ninguém e com quem se partilha todos os momentos. Mas foi isso mesmo que aconteceu, ontem, quando se defrontaram para os quartos-de-final do Q8 Guimarães Ladies Open, as irmãs Francisca e Matilde Jorge.

Os quatro anos de diferença (Francisca tem 24 e Matilde 20) aliados a um momento de maior consistência deram a Francisca Jorge um ascendente que foi comprovado ao longo do encontro, que a mais velha venceu por 6-3 e 6-2 em menos de uma hora e meia. Com as bancadas repletas de familiares, amigos e simples curiosos da cidade-berço, as ‘manas’ aplicaram-se e deram um espectáculo de qualidade, selado com um abraço sentido no final, com direito a aplausos.

Agora, apenas Mariam Bolkvadze, da Geórgia, pode impedir que a melhor tenista lusa da actualidade chegue ao encontro do título, isto depois de Bolkvadze ter afastado a francesa Tessah Andrianjafitrimo, por 6-3 e 6-2. Esta será a segunda vez que Francisca e Mariam vão medir forças, depois da estreia entre ambas, no Porto Open de 2022, com vitória para a tenista de leste.

A outra meia-final nem vai ter a holandesa Arianne Hartono, primeira cabeça-de-série e 140.ª do mundo, nem muito menos a checa Gabriela Knutson, detentora do título e quarta favorita.

Hartono foi surpreendida pela norte-americana Liv Hovde, promissora tenista de apenas 18 anos que venceu o torneio júnior de Wimbledon em 2022, a demonstrar argumentos muito válidos para chegar longe no ranking WTA. Hovde venceu por 7-6 (2) e 6-2 e vai encontrar outra jogadora que já anda há alguns anos no circuito: a canadiana Katherine Sebov

Ontem, também, Sebov não deu hipóteses a Gabriela Knutson, com a tenista da Chéquia a entrar mal no encontro com uma adversária que conhece bem e que já tinha derrotado no torneio de Toronto, em 2023. Liv Hovde e Katherine Sebov vão defrontar-se pela primeira vez num encontro que promete.

Nos pares, as irmãs Francisca e Matilde Jorge qualificaram-se para a final depois de confirmarem o favoritismo no court ante a indiana Rutuja Bhosale e Sofya Lansere, por 7-6 (2) e 7-5. No encontro do título vão medir forças com as norte-americanas Sophie Chang e Rasheda McAdoo, vencedoras do duelo ante Madeleine Brooks (GRB) e Eudice Chong (Hong Kong), por 6-4, 3-6 e 10-7.

© 2024 Guimarães, agora!


Partilhe a sua opinião nos comentários em baixo!

Siga-nos no FacebookTwitter e Instagram!
Quer falar connosco? Envie um email para geral@guimaraesagora.pt.

PUBLICIDADE • CONTINUE A LER

Artigos Relacionados

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

PUBLICIDADE • CONTINUE A LER

Últimas Notícias