Pepa: há mais coisas positivas do que o 5º lugar

O treinador do Vitória ainda não fechou as contas da temporada e deixa o balanço para lá do términus da competição.


“Vamos ter tempo para fazer o balanço da temporada”, referiu Pepa antes de receber o Gil Vicente que soube conquistar com mérito o 5º lugar da classificação geral da Liga Portugal.

Porém, lembrou-se do período da temporada em que havia vários pretendentes àquele lugar, o primeiro destinado a clubes que vão participar na Conference League, a prova europeia recentemente incluída nas competições da UEFA.

Nesse tempo, Pepa recorda que “nós estávamos afastados” dessa posição, tão nostálgica, em que se tornou o 5º lugar. O treinador esclareceu que “alimentamos sempre a esperança” de o poder conquistar, num luta que o Gil Vicente acabou por ganhar. “Já dei os parabéns ao Ricardo Soares e agora dou ao plantel do Gil Vicente, fizeram uma época fantástica”.

Pepa admite que “tentamos tudo, sem o conseguir”, fazendo questão de evidenciar outros ganhos, sem os referir. “Conseguimos muitas coisas, muitas positivas, dentro de muita turbulência” – esclareceu.

VITÓRIA – GIL VICENTE | 15 MAIO 20H30

De certo modo, as suas palavras parecem querer dizer que o 6º lugar já é um feito, numa época em que aconteceu tudo ao clube. E que esse lugar não era previsível no contexto em que o Vitória fez a sua época.

“Alimentamos a ambição até ao fim, fizemos sempre tudo” – sustenta com algum contentamento e resignação face ao desenrolar da temporada sujeita a condicionalismo externos e internos.

Agora, com o último jogo da temporada à vista, Pepa volta a lamentar a ausência de público, uma vez que a administração da sociedade desportiva resolveu antecipar o cumprimento de um castigo de um jogo à porta fechada, no encerrar da competição e numa partida sem importância na classificação final.

“Não vejo isso noutros clubes, é estranho”.

Lamentando que só o Vitória seja contemplado com jogos à porta fechada – “não vejo isso noutros clubes, é estranho” – o treinador evocou a questão de Rochinha, alvo de actos repugnantes no estádio do Bessa recentemente. 

GRÁFICO DE FORMA VITÓRIA:

“Temos de saber estar no futebol, quando é com o Vitória levamos sempre por tabela” – clamou.

Admite, contudo, que mesmo sem público, o jogo com o Gil Vicente “tem tudo para ser um grande jogo”. Recorda a época e defende que “o Gil Vicente teve uma regularidade ao longo da época, não teve grandes problemas com lesões, conseguíamos identificar o onze tipo”.

E acrescenta em jeito de desabafo “a nós aconteceram-nos muitas coisas”. E no último jogo da época, diz que “não há contas a ajustar com o Gil Vicente, reconhecemos que foi uma equipa mais regular. Queremos acabar em beleza com uma vitória e um grande jogo” – concluiu.

📸 Vitória SC

© 2022 Guimarães, agora!


Partilhe a sua opinião nos comentários em baixo!

Siga-nos no Facebook, Twitter e Instagram!
Quer falar connosco? Envie um email para geral@guimaraesagora.pt.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

- publicidade -
- publicidade -
- publicidade -

Leia também