Luís Alves: discussão do título dá lugar de vice-campeão

Com o título à vista, o piloto vimaranense fica na história desta época por ter lutado até ao fim por mais um título, conseguindo apenas o 2º lugar.


Partiu para a última prova do campeonato de Portugal, com o título à vista e à frente dos concorrentes.

A instabilidade das condições climatéricas apresentava-se como mais um adversário. Luís Alves, de 15 anos, campeão nacional por quatro vezes, assumia o favoritismo e lutava por um lugar no pódio.

No Kartódromo Internacional de Braga, na categoria-rainha do karting nacional, o piloto vimaranense já se tinha colocado para disputar o título, mais um na sua carreira. Havia chegado ali no topo da classificação, categoria X30, a mais competitiva do karting, disputada por nada menos de 30 pilotos, em 2021.

O seu percurso, até agora, já estava marcado por vitórias e títulos, em categorias diferentes. Mas no Sábado, percebeu que a chuva e os pneus adoptados iriam alterar o comportamento do seu chassis.

A classificação na prova mostrava-o no top 5 da final, com um 4º lugar na manga de qualificação. Esperava-se mais e melhor, no Domingo. Chegou a liderar a manga de qualificação mas a concorrência estava mais forte e atirou-o para o 5º lugar.

📸 Direitos Reservados

Luís Alves, pelo seu comportamento anterior apenas conseguiu ficar no 2º lugar, um sempre honroso estatuto de vice-campeão nacional. Deixava para trás ainda assim uma passagem com classe pelas pistas de Viana do Castelo, Leiria, Baltar, Bombarral e Braga.

“Fomos competitivos em diferentes pistas e condições. Agora vamos virar atenções para a Taça de Portugal.”

“Tal como em 2020, chegámos à última prova em condições de discutir o título na categoria mais difícil do CPK”, afirmou Luís Alves. “O comportamento do kart com pneus de chuva acabou por nos surpreender, mas assim que montámos pneus para piso seco recuperámos o nosso andamento normal. Queria, obviamente, ter terminado as duas finais mais à frente, mas fico contente por termos estado rápidos e consistentes ao longo de quase todo o ano. Ganhámos seis corridas ao longo da época, entre elas as finais em Leiria, Baltar e Bombarral. Ou seja, fomos competitivos em diferentes pistas e condições. Agora vamos virar atenções para a Taça de Portugal, que é outra prova importante”, referiu o piloto da equipa KRC.

A emblemática Taça de Portugal de Karting será a prova de encerramento da época, nos dias 6 e 7 de Novembro, em Leiria.

© 2021 Guimarães, agora!


Partilhe a sua opinião nos comentários em baixo!

Siga-nos no Facebook, Twitter e Instagram!
Quer falar connosco? Envie um email para geral@guimaraesagora.pt.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

- publicidade -
- publicidade -
- publicidade -

Leia também