18.4 C
Guimarães
Quinta-feira, Junho 20, 2024

UMinho: maior congresso de estudantes de Saúde

O XIV Minho Medical Meeting é dedicado à formação médica e realiza-se de 17 a 19 de Dezembro em Braga.


O seu programa contempla um recorde de workshops (50) e o objectivo de repensar a saúde em todas as suas abordagens, depois de uma reflexão mais longa em pandemia. Os três dias de curso esgotaram rapidamente e contarão com mais de 400 estudantes nas sessões, mesas redondas e workshops

“Apostamos numa abordagem mais holística da medicina, com a abordagem da componente social e psicológica para além da parte física.”

Inês Rodrigues, coordenadora do Minho Medical Meeting, destaca a abordagem escolhida para esta nova edição do Minho Medical Meeting (MMM): “O tema é a principal novidade deste ano, porque apostamos numa abordagem mais holística da medicina, com a abordagem da componente social e psicológica para além da parte física. E também o facto de estarmos a promover o maior número de workshops, são cerca de 50 para 400 estudantes ao longo dos três dias do congresso”.

A abordagem mais holística da medicina está patente nos painéis científicos centrais onde os temas em análise serão o Envelhecimento em Portugal e a Transsexualidade.

Nestas sessões científicas, os especialistas convidados destacam-se, com a participação de Adalberto Campos Fernandes, antigo ministro da Saúde, Elsa Logarinho, investigadora na área do envelhecimento, e Manuel Carrageta, presidente da Sociedade Portuguesa de Geriatria e Gerontologia, a fazerem parte da mesa redonda sobre Envelhecimento em Portugal.

Na sessão dedicada à Transsexualidade, estarão presentes Susana Pinheiro, cirurgiã plástica da URGUS, Zélia Figueiredo, sexóloga e psiquiatra, e Andreo Gustavo, transsexual e activista pela inclusão sexual, numa sessão moderada por Pedro Morgado.

Durante estes dias, o Minho Medical Meeting vai receber ainda Miguel Xavier, director do Programa Nacional de Saúde Mental, e Catarina Amaral, aluna da Universidade do Minho e pedopsiquiatra no Hospital de Guimarães, em sessões dedicadas à saúde mental. O impacto social e económico da pandemia em Portugal estará também em análise com a participação de Francisco Ramos e Susana Peralta. 

Ao longo dos três dias, mais de 400 estudantes podem participar nas mais de 50 sessões de workshop organizadas pelos estudantes da UMinho, e divididos entre o Hospital de Braga, o Instituto de Investigação em Ciências e Saúde e a Escola de Medicina. 

Este ano, a grande novidade é que as inscrições foram abertas a todos os estudantes de áreas da saúde, diversificando o público presente no Minho Medical Meeting. Entre estes workshops, podemos encontrar sessões dedicados a laparoscopia e artroscopia, mas também à linguagem gestual, à sustentabilidade em saúde ou a questões relacionadas com a saúde mental.

Mais informações.

📸 Escola de Medicina-UMinho

© 2021 Guimarães, agora!


Partilhe a sua opinião nos comentários em baixo!

Siga-nos no Facebook, Twitter e Instagram!
Quer falar connosco? Envie um email para geral@guimaraesagora.pt.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

PUBLICIDADE • CONTINUE A LER
PUBLICIDADE • CONTINUE A LER
PUBLICIDADE • CONTINUE A LER

Leia também