14.5 C
Guimarães
Terça-feira, Julho 16, 2024

ESFH: vai ter ‘Curso Profissional de Bombeiro’ a partir de Setembro

Economia

É um curso profissional de Bombeiro, de nível 4, único no concelho de Guimarães.

Para a direcção dos Bombeiros (BVG) o curso profissional de Bombeiro, é uma “nova e inovadora oferta formativa para todos os alunos que ingressam no ensino secundário” e terá uma apresentação promovida pelos BVG, no recinto escolar, na próxima Sexta-feira, entre as 14h00 e as 19h00.

PUB

O curso é destinado a jovens de ambos os sexos que tenham concluído o 9º ano de escolaridade, oferecendo aos formandos uma formação de nível secundário que pode ter dupla certificação e um domínio de especialização.

Os jovens que optarem por esta oferta formativa podem ter, no final do ensino secundário, um diploma de Bombeiro/a. 

“Esta nova oferta formativa em Guimarães é um motivo de satisfação e orgulho para os Bombeiros Voluntários de Guimarães, mas simultaneamente oferece a todos os jovens do nosso concelho uma possibilidade de valorizarem as suas competências académicas e profissionais” – salienta o presidente da direcção, João Pedro Castro.

João Pedro Castro (AHBVG). © GA!

Uma equipa dos Bombeiros e da escola estará disponível para fornecer aos jovens e famílias todas as informações necessárias para que conheçam melhor esta nova oferta educativa e esclareçam todas as suas dúvidas.

O curso profissional de Bombeiro no concelho de Guimarães resulta de uma parceria firmada entre o presidente da direcção da Escola Nacional de Bombeiros (ENB), Vítor Reis, o presidente da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Guimarães (AHBVG), João Pedro Castro, e a directora do agrupamento de escolas Francisco de Holanda, Rosalina Pinheiro, no âmbito da cerimónia de celebração do 147º aniversário da AHBVG. 

O curso funcionará alternadamente nas instalações do agrupamento de escolas Francisco de Holanda e no quartel dos Bombeiros Voluntários de Guimarães, procurando assim contribuir para a qualificação profissional de jovens formandos, para a sua empregabilidade e prosseguimento de estudos.

“Acreditamos que esta será, seguramente, uma grande mais-valia para ambas as partes” – concluiu João Pedro Castro.

© 2024 Guimarães, agora!


Partilhe a sua opinião nos comentários em baixo!

Siga-nos no FacebookTwitter e Instagram!
Quer falar connosco? Envie um email para geral@guimaraesagora.pt.

PUBLICIDADE • CONTINUE A LER

Artigos Relacionados

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

PUBLICIDADE • CONTINUE A LER

Últimas Notícias