34.1 C
Guimarães
Terça-feira, Julho 23, 2024

CIAJG: ‘Lições Iluminadas’ começam hoje

Economia

Terá a presença de cerca de 300 crianças dos 14 agrupamentos escolares do Município de Guimarães que participaram neste projecto desenvolvido anualmente pela equipa de mediação cultural de A Oficina no âmbito da programação do Centro Internacional das Artes José de Guimarães.

O momento expositivo dos resultados obtidos do trabalho desenvolvido ao longo do presente ano lectivo por crianças de 14 escolas do 1º ciclo do ensino básico do concelho de Guimarães, culmina amanhã.

PUB

“No prolongado trabalho desenvolvido nesta edição, o corpo assumiu grande importância. O corpo no espaço, e em diferentes espaços, o corpo com o corpo, o corpo que se transforma, que dança, que brinca, que está parado. Passando pelo desenho, pela pintura, em papel e tecido, pela costura, pela performance. Também o tecido que transforma o corpo foi um elemento fundamental. E, no desaguar de tudo isto, a cadeira assumiu papel central, tanto nas oficinas como mesmo na exposição e na publicação que daqui resulta. Aliás, o que é uma cadeira?” – salienta uma nota de A Oficina.

A proposta que se apresenta nesta exposição é múltipla, prática e valoriza a experiência, apresentando o museu através da sua capacidade de criar mundos imaginários. Seja através da constante relação entre o fazer artístico e as suas colecções, seja através do pensamento diverso de cada um dos artistas que habita aquele lugar, através das comunidades heterogéneas ali representadas, ou ainda, pela da sua dimensão espacial – entre salas e corredores que convocam os sentidos todos.

O ‘Lições Iluminadas’ é assim um projecto artístico de longo curso a partir das exposições e colecções do Centro Internacional das Artes José de Guimarães (CIAJG) em ligação com os 14 agrupamentos escolares do Município de Guimarães.

A presente edição deste projecto, coordenada e mediada por João Lopes e com direcção criativa da artista convidada Luísa Abreu, desenrolou-se com visitas à colecção permanente do Centro Internacional das Artes José de Guimarães e oficinas no espaço da sala de aula de cada uma das escolas. Todo o processo resultante é agora exibido numa exposição colectiva no CIAJG, incidindo nos diferentes processos de trabalho desenvolvidos ao longo do ano, sendo acompanhada por uma publicação que reflete os mesmos.

A exposição ‘Uma cadeira para sentar no chão’ pode ser visitada gratuitamente até 29 de Setembro deste ano. 

PUB

© 2024 Guimarães, agora!


Partilhe a sua opinião nos comentários em baixo!

Siga-nos no FacebookTwitter e Instagram!
Quer falar connosco? Envie um email para geral@guimaraesagora.pt.

PUBLICIDADE • CONTINUE A LER

Artigos Relacionados

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

PUBLICIDADE • CONTINUE A LER

Últimas Notícias